Candidatos podem consultar horários e datas das comissões de validação de autodeclaração pela internet; bancas referentes ao vestibular 2018/19 vão até 11 de outubro. Bancas de validação de autodeclaração de candidatos a cotas do Vestibular 2018/2019 da UFPR ocorre de 24 de setembro a 11 de outubro Giuliano Gomes/PRPress A Universidade Federal do Paraná (UFPR) realiza, a partir desta segunda-feira (24), as bancas de validação de autodeclaração dos candidatos a cotas do Vestibular 2018/2019. As avaliações vão até 11 de outubro. Os candidatos as vagas reservadas para negros, pessoas com deficiência e indígenas são obrigados a comparecer às bancas, no dia e horário marcados. Veja os editais com as informações dos candidatos no no site do Núcleo de Concursos (NC). Na sexta-feira (21), a UFPR divulgou a lista definitiva de inscrições homologadas. Segundo a universidade, serão 43.497 candidatos concorrendo a 5.421 vagas, sendo que cerca de 50% são destinadas a cotistas de baixa renda, negros, com deficiência e indígenas. Ainda de acordo com a UFPR, neste ano, 1.976 concorrentes devem comparecer às bancas de validação de autodeclaração. A documentação exigida para as bancas está disponível no edital do vestibular. Mais de 1,8 mil candidatos se autodeclararam negros (pardos e pretos); 86 candidatos declararam-se como pessoas com deficiência e 14 concorrentes se declaram indígenas. Confira, abaixo, os endereços onde as bancas serão realizadas: Curitiba: Campus Agrárias - Rua dos Funcionários, 1.540, Juvevê; Jandaia do Sul: sala da Secretaria Acadêmica do campus - Rua Dr. João Maximiano, 426, Vila Operária; Matinhos: campus do Setor Litoral - Rua Rua Jaguariaiva, 512, Caiobá; Palotina: Bloco da Direção do campus - Rua Pioneiro, 2.153, Dallas; Toledo: PR-182, km 320/321, Biopark. Veja mais notícias do estado em G1 Paraná.
UFPR realiza bancas de validação para candidatos a cotas do vestibular a partir desta segunda-feira (24)

Candidatos podem consultar horários e datas das comissões de validação de autodeclaração pela internet; bancas referentes ao vestibular 2018/19 vão até 11 de outubro. Bancas de validação de autodeclaração de candidatos a cotas do Vestibular 2018/2019 da UFPR ocorre de 24 de setembro a 11 de outubro Giuliano Gomes/PRPress A Universidade Federal do Paraná (UFPR) realiza, a partir desta segunda-feira (24), as bancas de validação de autodeclaração dos candidatos a cotas do Vestibular 2018/2019. As avaliações vão até 11 de outubro. Os candidatos as vagas reservadas para negros, pessoas com deficiência e indígenas são obrigados a comparecer às bancas, no dia e horário marcados. Veja os editais com as informações dos candidatos no no site do Núcleo de Concursos (NC). Na sexta-feira (21), a UFPR divulgou a lista definitiva de inscrições homologadas. Segundo a universidade, serão 43.497 candidatos concorrendo a 5.421 vagas, sendo que cerca de 50% são destinadas a cotistas de baixa renda, negros, com deficiência e indígenas. Ainda de acordo com a UFPR, neste ano, 1.976 concorrentes devem comparecer às bancas de validação de autodeclaração. A documentação exigida para as bancas está disponível no edital do vestibular. Mais de 1,8 mil candidatos se autodeclararam negros (pardos e pretos); 86 candidatos declararam-se como pessoas com deficiência e 14 concorrentes se declaram indígenas. Confira, abaixo, os endereços onde as bancas serão realizadas: Curitiba: Campus Agrárias - Rua dos Funcionários, 1.540, Juvevê; Jandaia do Sul: sala da Secretaria Acadêmica do campus - Rua Dr. João Maximiano, 426, Vila Operária; Matinhos: campus do Setor Litoral - Rua Rua Jaguariaiva, 512, Caiobá; Palotina: Bloco da Direção do campus - Rua Pioneiro, 2.153, Dallas; Toledo: PR-182, km 320/321, Biopark. Veja mais notícias do estado em G1 Paraná.




Segundo a Sanepar, reparos começaram na noite deste domingo (23) e serviço deve ser normalizado até as 13h de segunda-feira (24); confira os bairros afetados. Conserto em adutora pode deixar 16 bairros de Curitiba sem água Martin Bernetti / AFP Os serviços de conserto em uma das adutoras do Reservatório Portão, que começaram na noite deste domingo (23), podem causar desabastecimento de água em 16 bairros de Curitiba, segundo a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar). De acordo com a companhia, o reparo deve ser concluídos durante a madrugada de segunda-feira (24). O abastecimento será normalizado, gradativamente, até as 13h de segunda. Confira, abaixo, os bairros em que pode haver falta de água, de acordo com a Sanepar: Fazendinha Portão Santa Quitéria Vila Izabel Seminário Água Verde Novo Mundo Capão Raso Boqueirão Cidade Industrial de Curitiba Vila Fanny Vila Guaíra Vila Hauer Vila Lindoia Pinheirinho Xaxim Pinhais Em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, também deve haver desabastecimento nesta segunda-feira. A falta d'água será causada por obras na rede de distribuição, de acordo com a Sanepar. No Centro, o fornecimento será interrompido a partir das 8h, e só deve voltar no período da noite, de forma gradativa. A partir 8h30, as obras devem deixar os imóveis da Vila Amélia sem água. De acordo com a Sanepar, no bairro, o serviço será normalizado no início da tarde. Veja mais notícias do estado em G1 Paraná.
Conserto de adutora pode deixar 16 bairros de Curitiba sem água

Segundo a Sanepar, reparos começaram na noite deste domingo (23) e serviço deve ser normalizado até as 13h de segunda-feira (24); confira os bairros afetados. Conserto em adutora pode deixar 16 bairros de Curitiba sem água Martin Bernetti / AFP Os serviços de conserto em uma das adutoras do Reservatório Portão, que começaram na noite deste domingo (23), podem causar desabastecimento de água em 16 bairros de Curitiba, segundo a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar). De acordo com a companhia, o reparo deve ser concluídos durante a madrugada de segunda-feira (24). O abastecimento será normalizado, gradativamente, até as 13h de segunda. Confira, abaixo, os bairros em que pode haver falta de água, de acordo com a Sanepar: Fazendinha Portão Santa Quitéria Vila Izabel Seminário Água Verde Novo Mundo Capão Raso Boqueirão Cidade Industrial de Curitiba Vila Fanny Vila Guaíra Vila Hauer Vila Lindoia Pinheirinho Xaxim Pinhais Em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, também deve haver desabastecimento nesta segunda-feira. A falta d'água será causada por obras na rede de distribuição, de acordo com a Sanepar. No Centro, o fornecimento será interrompido a partir das 8h, e só deve voltar no período da noite, de forma gradativa. A partir 8h30, as obras devem deixar os imóveis da Vila Amélia sem água. De acordo com a Sanepar, no bairro, o serviço será normalizado no início da tarde. Veja mais notícias do estado em G1 Paraná.




Acidente aconteceu na tarde deste domingo (23), em Cascavel; condutor foi preso em flagrante por embriaguez ao volante; multa passa de R$ 2,9 mil. Com a batida, entrada da boate em Cascavel ficou destruída PRF/Divulgação Um motorista bêbado perdeu o controle da direção e destruiu a entrada de uma boate em Cascavel, no oeste do Paraná, no fim da tarde deste domingo (23). Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente aconteceu por volta das 17h. O condutor, de 38 anos, teve ferimentos leves. O teste do bafômetro registrou 1,01 miligrama de álcool por litro de ar expelido dos pulmões, índice quase três vezes acima do considerado crime de trânsito. O motorista foi preso em flagrante por embriaguez ao volante e, além de pagar multa de R$ 2.934,70, poderá ter o direito de dirigir suspenso por um ano. O carro também ficou destruído; motorista teve ferimentos leves PRF/Divulgação Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.
Motorista bêbado perde controle da direção e destrói entrada de boate em Cascavel

Acidente aconteceu na tarde deste domingo (23), em Cascavel; condutor foi preso em flagrante por embriaguez ao volante; multa passa de R$ 2,9 mil. Com a batida, entrada da boate em Cascavel ficou destruída PRF/Divulgação Um motorista bêbado perdeu o controle da direção e destruiu a entrada de uma boate em Cascavel, no oeste do Paraná, no fim da tarde deste domingo (23). Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente aconteceu por volta das 17h. O condutor, de 38 anos, teve ferimentos leves. O teste do bafômetro registrou 1,01 miligrama de álcool por litro de ar expelido dos pulmões, índice quase três vezes acima do considerado crime de trânsito. O motorista foi preso em flagrante por embriaguez ao volante e, além de pagar multa de R$ 2.934,70, poderá ter o direito de dirigir suspenso por um ano. O carro também ficou destruído; motorista teve ferimentos leves PRF/Divulgação Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.




Flagrante foi feito neste domingo (23) em Renascença, após uma denúncia anônima; no local, cerca de 50 pessoas acompanhavam as disputas. Foram recolhidos 25 galos, quase todos já feridos, além de biqueiras, esporas e medicamentos usados durante as disputas Polícia Militar/Divulgação Policiais militares descobriram uma rinha de galo que vinha sendo mantida em uma propriedade rural em Renascença, no sudoeste do Paraná. Nove suspeitos que se apresentaram como donos das aves foram detidos e encaminhados para a delegacia. Eles devem responder por maus tratos a animais. Depois de assinarem um termo circunstanciado, oito deles foram liberados. Contra um dos suspeitos, havia um mandado de prisão a ser cumprido. O flagrante foi feito neste domingo (23) após uma denúncia anônima. No local, cerca de 50 pessoas acompanhavam as disputas. Todos foram identificados e liberados. Ainda segundo os policiais, na entrada da propriedade três adolescentes estavam responsáveis pela cobrança das inscrições dos participantes. Com eles foram encontrados R$ 240 até então arrecadados. Foram recolhidos 25 galos, quase todos já feridos, além de biqueiras, esporas e medicamentos usados durante as disputas. Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.
Polícia descobre rinha de galos e detém nove suspeitos de maus tratos a animais

Flagrante foi feito neste domingo (23) em Renascença, após uma denúncia anônima; no local, cerca de 50 pessoas acompanhavam as disputas. Foram recolhidos 25 galos, quase todos já feridos, além de biqueiras, esporas e medicamentos usados durante as disputas Polícia Militar/Divulgação Policiais militares descobriram uma rinha de galo que vinha sendo mantida em uma propriedade rural em Renascença, no sudoeste do Paraná. Nove suspeitos que se apresentaram como donos das aves foram detidos e encaminhados para a delegacia. Eles devem responder por maus tratos a animais. Depois de assinarem um termo circunstanciado, oito deles foram liberados. Contra um dos suspeitos, havia um mandado de prisão a ser cumprido. O flagrante foi feito neste domingo (23) após uma denúncia anônima. No local, cerca de 50 pessoas acompanhavam as disputas. Todos foram identificados e liberados. Ainda segundo os policiais, na entrada da propriedade três adolescentes estavam responsáveis pela cobrança das inscrições dos participantes. Com eles foram encontrados R$ 240 até então arrecadados. Foram recolhidos 25 galos, quase todos já feridos, além de biqueiras, esporas e medicamentos usados durante as disputas. Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.




Acidente aconteceu na tarde deste domingo (23), em Piraquara, no cruzamento com a rodovia João Leopoldo Jacomel, segundo a PRF. Motorista ficou gravemente ferido depois de capotar van na BR-116, em Piraquara Divulgação/PRF O motorista de uma van ficou gravemente ferido depois de capotar o veículo na BR-116, em Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF). O acidente aconteceu na tarde deste domingo (23), próximo ao cruzamento com a rodovia João Leopoldo Jacomel. O motorista foi encaminhado ao hospital por uma ambulância da concessionária Autopista Litoral Sul, que administra o trecho da rodovia. Ainda conforme a PRF, o atendimento ao acidente não causou interdição das pistas. Veja mais notícias do estado em G1 Paraná.
Motorista fica ferido depois de capotar van na BR-116, na Região de Curitiba

Acidente aconteceu na tarde deste domingo (23), em Piraquara, no cruzamento com a rodovia João Leopoldo Jacomel, segundo a PRF. Motorista ficou gravemente ferido depois de capotar van na BR-116, em Piraquara Divulgação/PRF O motorista de uma van ficou gravemente ferido depois de capotar o veículo na BR-116, em Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF). O acidente aconteceu na tarde deste domingo (23), próximo ao cruzamento com a rodovia João Leopoldo Jacomel. O motorista foi encaminhado ao hospital por uma ambulância da concessionária Autopista Litoral Sul, que administra o trecho da rodovia. Ainda conforme a PRF, o atendimento ao acidente não causou interdição das pistas. Veja mais notícias do estado em G1 Paraná.




Candidata da Rede à Presidência fez uma caminhada no centro de Curitiba (PR) neste domingo (23). Em entrevista, Marina também falou sobre propostas para saúde e educação. Marina Silva e Eduardo Jorge durante caminhada com apoiadores neste domingo (23) em Curitiba (PR) Dulcineia Novaes/RPC Curitiba A candidata da Rede à Presidência da República, Marina Silva, disse neste domingo (23) que se eleita vai estimular a construção civil e o turismo no país para gerar empregos mais rapidamente. A presidenciável deu a declaração em Curitiba, capital do Paraná, durante evento de campanha. Marina fez uma caminhada com apoiadores no centro da cidade paranaense. A passeata aconteceu na Feirinha do Largo da Ordem. Ainda neste domingo, a candidata visitou a Pastoral da Criança em Curitiba e tem um encontro agendado com mulheres e jovens. "Vamos investir na construção civil, estimular o turismo, porque é o que gera emprego mais rápido. E, no turismo, tanto gera [empregos] para mulheres, quanto para jovens. Este é o nosso compromisso: um Brasil que seja cada vez mais unido, fraterno, ético e eficiente", afirmou Marina. Educação Em entrevista a jornalistas, Marina Silva voltou a dizer que se eleita criará pelo menos dois milhões de vagas em creches. "Nós vamos criar mais de dois milhões de vagas em creches. E as crianças em escolas de contraturno, ou seja, educação de tempo integral para que a criança possa ser bem cuidada. Sem educação, nós não vamos à lugar nenhum", declarou a candidata. Ela também afirmou que tem o objetivo de fazer com que todos os jovens até 19 anos tenham diploma de conclusão do ensino médio. "O esforço é fazer o país voltar a crescer, combater a corrupção que drena mais de 200 bilhões na corrupção. E, com isso, poder aumentar os recursos para saúde e para educação. Mas com o que já temos dá pra fazer e fazer muito melhor, por isso vamos ter plano de carreira para os professores, remunerar os professores de forma justa e de forma digna", acrescentou a candidata. Saúde e saneamento Em relação à Saúde, Marina afirmou que ela e o candidato a vice Eduardo Jorge querem criar o programa Vida Digna. "[Programa] que trabalha saúde de qualidade, que atende rápido, com qualidade e com respeito, para que ninguém tenha que ficar meses e meses em uma fila", contou. Durante visita à Pastoral da Criança em Curitiba, Marina Silva afirmou que saneamento básico será prioridade entre os investimento em infraestrutura. "Nós vamos, além de gerar emprego na construção civil, com a infraestrutura, fazer com que esse país, que ainda tem metade da sua população sem esgoto tratado, possa ter um governo que priorizará o saneamento básico para diminuir doenças, para cuidar do meio ambiente. Fazer investimentos na saúde, no meio ambiente, na economia, gerando empregos", declarou. União A candidata da Rede disse que o país atravessa um "momento delicado" na política, em que a "cultura do ódio tem cada vez mais sido propagada e estimulada". "A população brasileira neste momento tem uma grande responsabilidade de não permitir que transformem as eleições em um plebiscito entre a cruz e a espada. A cruz da corrupção e a espada que estimula o ódio e o preconceito", afirmou Marina. Ela declarou ainda que a chapa que compõe com Eduardo Jorge é a "mudança que o Brasil precisa" e que é necessário acabar com a história do "rouba, mas faz". "Rouba, mas é de direita. Rouba, mas faz reformas. Rouba, mas qualquer coisa. Tem que fazer sem roubar", afirmou. "Tem que acabar com o estímulo à violência, o desrespeito, porque quando a gente tá unido a gente faz mais e faz melhor", completou a candidata.
Marina diz que se eleita investirá em construção civil e turismo para acelerar geração de empregos

Candidata da Rede à Presidência fez uma caminhada no centro de Curitiba (PR) neste domingo (23). Em entrevista, Marina também falou sobre propostas para saúde e educação. Marina Silva e Eduardo Jorge durante caminhada com apoiadores neste domingo (23) em Curitiba (PR) Dulcineia Novaes/RPC Curitiba A candidata da Rede à Presidência da República, Marina Silva, disse neste domingo (23) que se eleita vai estimular a construção civil e o turismo no país para gerar empregos mais rapidamente. A presidenciável deu a declaração em Curitiba, capital do Paraná, durante evento de campanha. Marina fez uma caminhada com apoiadores no centro da cidade paranaense. A passeata aconteceu na Feirinha do Largo da Ordem. Ainda neste domingo, a candidata visitou a Pastoral da Criança em Curitiba e tem um encontro agendado com mulheres e jovens. "Vamos investir na construção civil, estimular o turismo, porque é o que gera emprego mais rápido. E, no turismo, tanto gera [empregos] para mulheres, quanto para jovens. Este é o nosso compromisso: um Brasil que seja cada vez mais unido, fraterno, ético e eficiente", afirmou Marina. Educação Em entrevista a jornalistas, Marina Silva voltou a dizer que se eleita criará pelo menos dois milhões de vagas em creches. "Nós vamos criar mais de dois milhões de vagas em creches. E as crianças em escolas de contraturno, ou seja, educação de tempo integral para que a criança possa ser bem cuidada. Sem educação, nós não vamos à lugar nenhum", declarou a candidata. Ela também afirmou que tem o objetivo de fazer com que todos os jovens até 19 anos tenham diploma de conclusão do ensino médio. "O esforço é fazer o país voltar a crescer, combater a corrupção que drena mais de 200 bilhões na corrupção. E, com isso, poder aumentar os recursos para saúde e para educação. Mas com o que já temos dá pra fazer e fazer muito melhor, por isso vamos ter plano de carreira para os professores, remunerar os professores de forma justa e de forma digna", acrescentou a candidata. Saúde e saneamento Em relação à Saúde, Marina afirmou que ela e o candidato a vice Eduardo Jorge querem criar o programa Vida Digna. "[Programa] que trabalha saúde de qualidade, que atende rápido, com qualidade e com respeito, para que ninguém tenha que ficar meses e meses em uma fila", contou. Durante visita à Pastoral da Criança em Curitiba, Marina Silva afirmou que saneamento básico será prioridade entre os investimento em infraestrutura. "Nós vamos, além de gerar emprego na construção civil, com a infraestrutura, fazer com que esse país, que ainda tem metade da sua população sem esgoto tratado, possa ter um governo que priorizará o saneamento básico para diminuir doenças, para cuidar do meio ambiente. Fazer investimentos na saúde, no meio ambiente, na economia, gerando empregos", declarou. União A candidata da Rede disse que o país atravessa um "momento delicado" na política, em que a "cultura do ódio tem cada vez mais sido propagada e estimulada". "A população brasileira neste momento tem uma grande responsabilidade de não permitir que transformem as eleições em um plebiscito entre a cruz e a espada. A cruz da corrupção e a espada que estimula o ódio e o preconceito", afirmou Marina. Ela declarou ainda que a chapa que compõe com Eduardo Jorge é a "mudança que o Brasil precisa" e que é necessário acabar com a história do "rouba, mas faz". "Rouba, mas é de direita. Rouba, mas faz reformas. Rouba, mas qualquer coisa. Tem que fazer sem roubar", afirmou. "Tem que acabar com o estímulo à violência, o desrespeito, porque quando a gente tá unido a gente faz mais e faz melhor", completou a candidata.




Batida aconteceu na manhã deste domingo (23), na PR-466; três pessoas tiveram ferimentos graves. Sete pessoas ficaram feridas em acidente entre dois carros em Pitanga Divulgação/PRE Sete pessoas ficaram feridas, três delas gravemente, em um acidente envolvendo três carros na PR-466, em Pitanga, na região central do Paraná, na manhã deste domingo (23). Segundo o Corpo de Bombeiros, um dos motoristas perdeu o controle da direção em uma curva e bateu de frente contra outro carro, que seguia no sentido contrário. A motorista de um dos veículos, de 47 anos, teve ferimentos graves e foi levada para o Hospital São Vicente de Paulo, em Pitanga. O filho dela, de 12 anos, que também teve ferimentos graves, chegou a ser encaminhado no mesmo hospital, mas foi transferido para o Hospital Santa Tereza, de Guarapuava, para avaliação. No outro carro estavam cinco pessoas da mesma família. O motorista, de 32 anos, uma mulher de 28, um menino de 5 anos e um adolescente de 14 anos foram internados no Hospital São Vicente, em Pitanga, com ferimentos leves. Outro menino, de 9 anos, que estava no mesmo carro, foi atendido no mesmo hospital com ferimentos graves e foi transferido para o Hospital São Vicente de Paulo, em Guarapuava. Batida entre dois carros aconteceu na manhã deste domingo (23), na PR-466, em Pitanga Divulgação/PRE Veja mais notícias da região no G1 Campos Gerais e Sul.
Sete pessoas ficam feridas em acidente entre dois carros em Pitanga

Batida aconteceu na manhã deste domingo (23), na PR-466; três pessoas tiveram ferimentos graves. Sete pessoas ficaram feridas em acidente entre dois carros em Pitanga Divulgação/PRE Sete pessoas ficaram feridas, três delas gravemente, em um acidente envolvendo três carros na PR-466, em Pitanga, na região central do Paraná, na manhã deste domingo (23). Segundo o Corpo de Bombeiros, um dos motoristas perdeu o controle da direção em uma curva e bateu de frente contra outro carro, que seguia no sentido contrário. A motorista de um dos veículos, de 47 anos, teve ferimentos graves e foi levada para o Hospital São Vicente de Paulo, em Pitanga. O filho dela, de 12 anos, que também teve ferimentos graves, chegou a ser encaminhado no mesmo hospital, mas foi transferido para o Hospital Santa Tereza, de Guarapuava, para avaliação. No outro carro estavam cinco pessoas da mesma família. O motorista, de 32 anos, uma mulher de 28, um menino de 5 anos e um adolescente de 14 anos foram internados no Hospital São Vicente, em Pitanga, com ferimentos leves. Outro menino, de 9 anos, que estava no mesmo carro, foi atendido no mesmo hospital com ferimentos graves e foi transferido para o Hospital São Vicente de Paulo, em Guarapuava. Batida entre dois carros aconteceu na manhã deste domingo (23), na PR-466, em Pitanga Divulgação/PRE Veja mais notícias da região no G1 Campos Gerais e Sul.



Câmeras de monitoramento registraram o momento em que um dos veículos cruza a rodovia e é atingido; outras duas pessoas ficaram feridas. Idosa morre em acidente entre dois carros na BR-277 em Foz do Iguaçu Uma idosa, de 65 anos, morreu em um acidente envolvendo dois carros em um trecho da BR-277 em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, na noite de sábado (22). Imagens de monitoramento registraram o momento em que o veículo em que ela estava cruza a rodovia e atinge outro, por volta das 22h. Veja o vídeo do acidente. A mulher morreu no local. Já o filho, que estava no mesmo carro, foi socorrido e levado em estado grave para o Hospital Municipal. O motorista do outro veículo, com placas de Foz do Iguaçu, também foi encaminhado para o hospital, mas com ferimentos leves. Ele recebeu alta no início da manhã deste domingo (23). Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.
Idosa morre em acidente entre dois carros na BR-277 em Foz do Iguaçu
Câmeras de monitoramento registraram o momento em que um dos veículos cruza a rodovia e é atingido; outras duas pessoas ficaram feridas. Idosa morre em acidente entre dois carros na BR-277 em Foz do Iguaçu Uma idosa, de 65 anos, morreu em um acidente envolvendo dois carros em um trecho da BR-277 em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, na noite de sábado (22). Imagens de monitoramento registraram o momento em que o veículo em que ela estava cruza a rodovia e atinge outro, por volta das 22h. Veja o vídeo do acidente. A mulher morreu no local. Já o filho, que estava no mesmo carro, foi socorrido e levado em estado grave para o Hospital Municipal. O motorista do outro veículo, com placas de Foz do Iguaçu, também foi encaminhado para o hospital, mas com ferimentos leves. Ele recebeu alta no início da manhã deste domingo (23). Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.




Segundo a policia, um grupo de pelo menos três ladrões invadiu a concessionária e levou os veículos na noite de sábado (22). Segundo a policia, um grupo de ladrões invadiu a concessionária e levaram os veículos. PRE/Divulgação Três caminhonetes foram furtadas de uma concessionária na noite de sábado (22), em Umuarama, no noroeste do Paraná. Segundo a policia, um grupo de pelo menos três ladrões invadiu a concessionária e levou os veículos. Por volta das 22h30, as três caminhonetes, que estavam sem placas, passaram pelo posto rodoviário de Iporã, na PR-323, também no noroeste do estado, o que chamou a atenção dos policiais. A polícia deu voz de parada aos motoristas que ignoraram a ordem e aceleraram pela rodovia. Uma perseguição se iniciou, de acordo com a polícia. No trevo da PRC-272, ainda em Iporã, uma das caminhonetes seguiu no sentido de Altônia, no noroeste, e outras duas seguiram para Guaíra, no oeste do estado. Segundo a polícia, foi necessário acionar equipes de apoio nas cidades da região para o acompanhamento dos veículos. Uma das caminhonetes foi encontrada abandonada em uma estrada rural em Terra Roxa, no oeste. Na sequência, a Polícia Militar (PM) conseguiu recuperar os outros dois veículos. Um deles em Altônia, e o outro abandonado em um acostamento na BR-272, em Terra Roxa. Segundo a polícia, os suspeitos fugiram. A Polícia Civil deve investigar o caso. Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.
Três caminhonetes são furtadas de concessionária, em Umuarama

Segundo a policia, um grupo de pelo menos três ladrões invadiu a concessionária e levou os veículos na noite de sábado (22). Segundo a policia, um grupo de ladrões invadiu a concessionária e levaram os veículos. PRE/Divulgação Três caminhonetes foram furtadas de uma concessionária na noite de sábado (22), em Umuarama, no noroeste do Paraná. Segundo a policia, um grupo de pelo menos três ladrões invadiu a concessionária e levou os veículos. Por volta das 22h30, as três caminhonetes, que estavam sem placas, passaram pelo posto rodoviário de Iporã, na PR-323, também no noroeste do estado, o que chamou a atenção dos policiais. A polícia deu voz de parada aos motoristas que ignoraram a ordem e aceleraram pela rodovia. Uma perseguição se iniciou, de acordo com a polícia. No trevo da PRC-272, ainda em Iporã, uma das caminhonetes seguiu no sentido de Altônia, no noroeste, e outras duas seguiram para Guaíra, no oeste do estado. Segundo a polícia, foi necessário acionar equipes de apoio nas cidades da região para o acompanhamento dos veículos. Uma das caminhonetes foi encontrada abandonada em uma estrada rural em Terra Roxa, no oeste. Na sequência, a Polícia Militar (PM) conseguiu recuperar os outros dois veículos. Um deles em Altônia, e o outro abandonado em um acostamento na BR-272, em Terra Roxa. Segundo a polícia, os suspeitos fugiram. A Polícia Civil deve investigar o caso. Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.




Confusão aconteceu por volta das 23h de sábado (22), em Maringá, em frente a um clube na PR-317, onde era realizada uma festa. Situação aconteceu na noite de sábado (22), em Maringá Plantão Maringá Um jovem de 20 anos foi morto a tiros por policiais em Maringá, no norte do Paraná, após atropelar oito pessoas e fazer ameaças com uma pistola na noite de sábado (22), de acordo com a Polícia Militar (PM). A confusão aconteceu por volta das 23h em frente a um clube na rodovia PR-317, onde era realizada uma festa. Conforme a PM, o rapaz estava em um carro com "som excessivamente alto e obstruindo a via marginal da rodovia", quando teria discutido com seguranças da festa e arrancado com o automóvel, provocando os atropelamentos. Ainda segundo a PM, dois policiais militares que estavam de folga, sem uniforme da corporação, tentaram abordar o condutor do veículo, que teria apontado uma arma em direção a eles. Os policiais estavam armados e atiraram contra o motorista, que morreu no local. De acordo com os socorristas, o corpo apresentava quatro perfurações de disparos, no tórax e abdômen. Em nota, a PM informou que o rapaz contava com "diversas passagens criminais, inclusive por suspeita de homicídio". Foram entregues na 9ª Subdivisão Policial uma pistola calibre 9mm, 16 munições intactas, uma munição deflagrada, dois celulares e R$ 530 em dinheiro – objetos que estariam com o condutor do veículo. O automóvel também foi levado à delegacia e será periciado. O carro apresenta duas perfurações de tiros – uma no para-brisa e outra na porta, ambas do lado do condutor. O vidro da porta do condutor ficou estilhaçado. O Corpo de Bombeiros informou que nenhuma das vítimas do atropelamento sofreu ferimentos graves. Arma foi apreendida pela PM Polícia Militar/Divulgação Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.
Jovem é morto por policiais após atropelar 8 pessoas e fazer ameaça com arma, diz PM

Confusão aconteceu por volta das 23h de sábado (22), em Maringá, em frente a um clube na PR-317, onde era realizada uma festa. Situação aconteceu na noite de sábado (22), em Maringá Plantão Maringá Um jovem de 20 anos foi morto a tiros por policiais em Maringá, no norte do Paraná, após atropelar oito pessoas e fazer ameaças com uma pistola na noite de sábado (22), de acordo com a Polícia Militar (PM). A confusão aconteceu por volta das 23h em frente a um clube na rodovia PR-317, onde era realizada uma festa. Conforme a PM, o rapaz estava em um carro com "som excessivamente alto e obstruindo a via marginal da rodovia", quando teria discutido com seguranças da festa e arrancado com o automóvel, provocando os atropelamentos. Ainda segundo a PM, dois policiais militares que estavam de folga, sem uniforme da corporação, tentaram abordar o condutor do veículo, que teria apontado uma arma em direção a eles. Os policiais estavam armados e atiraram contra o motorista, que morreu no local. De acordo com os socorristas, o corpo apresentava quatro perfurações de disparos, no tórax e abdômen. Em nota, a PM informou que o rapaz contava com "diversas passagens criminais, inclusive por suspeita de homicídio". Foram entregues na 9ª Subdivisão Policial uma pistola calibre 9mm, 16 munições intactas, uma munição deflagrada, dois celulares e R$ 530 em dinheiro – objetos que estariam com o condutor do veículo. O automóvel também foi levado à delegacia e será periciado. O carro apresenta duas perfurações de tiros – uma no para-brisa e outra na porta, ambas do lado do condutor. O vidro da porta do condutor ficou estilhaçado. O Corpo de Bombeiros informou que nenhuma das vítimas do atropelamento sofreu ferimentos graves. Arma foi apreendida pela PM Polícia Militar/Divulgação Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.




Estufa usada há muitos anos para secar fumo foi transformada em pousada, na região central do Paraná. Propriedade de fumo vira pousada rural A família Daneliv, de Irati, na região central do Paraná, encontrou no turismo rural uma alternativa para continuar unida no campo. Mas, antes disso, o sítio foi usado para o plantio de várias culturas. No auge da produção mundial de fumo, há 20 anos, a família decidiu apostar no tabaco. Espaços foram construídos para permitir a produção, mas a família não se adaptou e desistiu do investimento dois anos depois. Por muito tempo, a estufa usada para secar fumo ficou sem uso. Mas, recentemente, ela foi toda reformada e transformada em uma pousada. Depois de todas as mudanças, a propriedade gera mais renda, e mantém a principal característica: a família continua unida trabalhando no sítio. Família de Irati encontra no turismo rural alternativa para continuar no campo Reprodução/RPC Veja mais notícias na página do Caminhos do Campo.
Família de Irati encontra no turismo rural alternativa para continuar no campo

Estufa usada há muitos anos para secar fumo foi transformada em pousada, na região central do Paraná. Propriedade de fumo vira pousada rural A família Daneliv, de Irati, na região central do Paraná, encontrou no turismo rural uma alternativa para continuar unida no campo. Mas, antes disso, o sítio foi usado para o plantio de várias culturas. No auge da produção mundial de fumo, há 20 anos, a família decidiu apostar no tabaco. Espaços foram construídos para permitir a produção, mas a família não se adaptou e desistiu do investimento dois anos depois. Por muito tempo, a estufa usada para secar fumo ficou sem uso. Mas, recentemente, ela foi toda reformada e transformada em uma pousada. Depois de todas as mudanças, a propriedade gera mais renda, e mantém a principal característica: a família continua unida trabalhando no sítio. Família de Irati encontra no turismo rural alternativa para continuar no campo Reprodução/RPC Veja mais notícias na página do Caminhos do Campo.




Histórico de ciclos da cultura indica boa safra, mesmo sem aumento da área de plantio. Florada do café indica boa safra 2019 A segunda florada do café, na última semana, sinaliza uma produção maior para 2019. De acordo com a Secretaria da Agricultura e do Abastecimento do Paraná (Seab), o histórico de ciclos da cultura indica uma boa safra em comparação a 2018, mesmo sem aumento da área de plantio. Neste ano, o clima permitiu antecipar a colheita, que já foi praticamente concluída e rendeu 1 milhão de sacas de 60 kg. Cada saca está sendo comercializada, em média, a R$ 390. Florada do café sinaliza produção maior para 2019, diz Seab Reprodução/RPC Veja mais notícias na página do Caminhos do Campo.
Florada do café sinaliza produção maior para 2019, diz Seab

Histórico de ciclos da cultura indica boa safra, mesmo sem aumento da área de plantio. Florada do café indica boa safra 2019 A segunda florada do café, na última semana, sinaliza uma produção maior para 2019. De acordo com a Secretaria da Agricultura e do Abastecimento do Paraná (Seab), o histórico de ciclos da cultura indica uma boa safra em comparação a 2018, mesmo sem aumento da área de plantio. Neste ano, o clima permitiu antecipar a colheita, que já foi praticamente concluída e rendeu 1 milhão de sacas de 60 kg. Cada saca está sendo comercializada, em média, a R$ 390. Florada do café sinaliza produção maior para 2019, diz Seab Reprodução/RPC Veja mais notícias na página do Caminhos do Campo.



Saiba mais sobre o cultivo de hortaliças na água; além de rentável, sistema garante alimentos mais saudáveis. Pequenos produtores aumentam renda com horta orgânica e hidropônica A hidroponia, sistema de cultivo de plantas na água, tem aumentado a renda de pequenos produtores rurais no Paraná. Modo de cultivo orgânico de hortaliças é rentável e garante alimentos mais saudáveis e durante o ano todo, apontam produtores. Saiba mais assistindo à reportagem. Veja mais notícias na página do Caminhos do Campo.
Hidroponia aumenta renda de pequenos produtores rurais no Paraná
Saiba mais sobre o cultivo de hortaliças na água; além de rentável, sistema garante alimentos mais saudáveis. Pequenos produtores aumentam renda com horta orgânica e hidropônica A hidroponia, sistema de cultivo de plantas na água, tem aumentado a renda de pequenos produtores rurais no Paraná. Modo de cultivo orgânico de hortaliças é rentável e garante alimentos mais saudáveis e durante o ano todo, apontam produtores. Saiba mais assistindo à reportagem. Veja mais notícias na página do Caminhos do Campo.



Opção do noroeste do Paraná é um das finalistas do Concurso de Receitas Paranaenses 2018. Aprenda a fazer porco atolado cremoso, finalista do concurso Receitas Paranaenses 2018 A segunda das oito finalistas do Concurso de Receitas Paranaenses 2018 é do noroeste do Paraná. A opção é preparada pelo policial militar Ivanildo Ferreira dos Santos, de Nova Esperança. Confira, abaixo, os ingredientes. No vídeo acima, veja o modo de preparo. Ingredientes: 2 kg de abóbora cabotiá (descascada) 1 kg de abóbora paulista (descascada) 1 kg de costelinha de porco cortada fina 1 maço de alho-poró 1 cebola 3 dentes de alho (picados) cheiro-verde a gosto sal a gosto 1 tablete de caldo de carne 2 litros de água 1 caixa de creme de leite Veja mais receitas na página do Caminhos do Campo.
Aprenda a fazer Porco Atolado Cremoso
Opção do noroeste do Paraná é um das finalistas do Concurso de Receitas Paranaenses 2018. Aprenda a fazer porco atolado cremoso, finalista do concurso Receitas Paranaenses 2018 A segunda das oito finalistas do Concurso de Receitas Paranaenses 2018 é do noroeste do Paraná. A opção é preparada pelo policial militar Ivanildo Ferreira dos Santos, de Nova Esperança. Confira, abaixo, os ingredientes. No vídeo acima, veja o modo de preparo. Ingredientes: 2 kg de abóbora cabotiá (descascada) 1 kg de abóbora paulista (descascada) 1 kg de costelinha de porco cortada fina 1 maço de alho-poró 1 cebola 3 dentes de alho (picados) cheiro-verde a gosto sal a gosto 1 tablete de caldo de carne 2 litros de água 1 caixa de creme de leite Veja mais receitas na página do Caminhos do Campo.




Aparelhos roubados, furtados ou não certificados pela agência serão bloqueados a partir de 8 de dezembro em AC, ES, MS, MT, PR, RJ, RO, RS e TO. Celulares irregulares começam a receber aviso de bloqueio A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) começa, neste domingo (23), a enviar mensagens para usuários de celular de 10 estados, alertando sobre bloqueios de celulares piratas. São aqueles que não são certificados pela agência ou tiveram o IMEI (número que funciona como identificação única do aparelho) adulterado, clonado ou fraudado. Os estados que começarão a receber alertas são: Acre Espírito Santo Mato Grosso Mato Grosso do Sul Rio de Janeiro Rondônia Tocantins Todos os estados da Região Sul Quem estiver com o celular irregular receberá uma mensagem do número 2828, alertando sobre a Lei 9.472 e sobre um prazo específico em que o aparelho deixará de funcionar. O bloqueio nessas localidades está previsto para o próximo dia 8 de dezembro. A Anatel consegue identificar celulares irregulares porque tem um sistema informatizado, em parceria com operadoras de telefonia e fabricantes, que identifica os celulares irregulares em uso na rede. Anatel começa processo de bloqueio de celulares irregulares no domingo (23) Próxima fase Goiás e o Distrito Federal foram os primeiros a fazer parte do programa de bloqueio. Nesses dois estados, 41.827 acessos de telefonia e internet móvel foram fechados em maio último — 0,3% do total nessas localidades. Veja como será a próxima e última fase da operação: Estados: São Paulo, Minas Gerais, Pará, Amazonas, Amapá, Roraima e todos da Região Nordeste; Início das notificações: 7 de janeiro de 2019 Início dos bloqueios dos aparelhos: 24 de março de 2019. Meu celular está irregular? Segundo a Anatel, para saber se um celular é certificado pela agência basta procurar por um selo da Anatel, presente no carregador e no verso da bateria. É também recomendado verificar o IMEI para saber o status do celular. Isso pode ser feito em verificando o número que aparece na caixa e o que consta no adesivo do próprio aparelho. Depois, comparar se os dois são iguais a um outro, que aparece ao discar: *#06# O que é IMEI Arte/G1 A recomendação para evitar problemas assim é comprar celulares em locais certificados, com emissão de nota fiscal. O bloqueio não muda a situação de quem possui aparelhos regulares, sem impedimento por furto ou roubo, ou certificados por órgãos internacionais aceitos pela Anatel, a exemplo de quem comprou um celular fora do país.
Anatel começa a enviar alertas sobre bloqueio de celulares piratas em 10 estados

Aparelhos roubados, furtados ou não certificados pela agência serão bloqueados a partir de 8 de dezembro em AC, ES, MS, MT, PR, RJ, RO, RS e TO. Celulares irregulares começam a receber aviso de bloqueio A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) começa, neste domingo (23), a enviar mensagens para usuários de celular de 10 estados, alertando sobre bloqueios de celulares piratas. São aqueles que não são certificados pela agência ou tiveram o IMEI (número que funciona como identificação única do aparelho) adulterado, clonado ou fraudado. Os estados que começarão a receber alertas são: Acre Espírito Santo Mato Grosso Mato Grosso do Sul Rio de Janeiro Rondônia Tocantins Todos os estados da Região Sul Quem estiver com o celular irregular receberá uma mensagem do número 2828, alertando sobre a Lei 9.472 e sobre um prazo específico em que o aparelho deixará de funcionar. O bloqueio nessas localidades está previsto para o próximo dia 8 de dezembro. A Anatel consegue identificar celulares irregulares porque tem um sistema informatizado, em parceria com operadoras de telefonia e fabricantes, que identifica os celulares irregulares em uso na rede. Anatel começa processo de bloqueio de celulares irregulares no domingo (23) Próxima fase Goiás e o Distrito Federal foram os primeiros a fazer parte do programa de bloqueio. Nesses dois estados, 41.827 acessos de telefonia e internet móvel foram fechados em maio último — 0,3% do total nessas localidades. Veja como será a próxima e última fase da operação: Estados: São Paulo, Minas Gerais, Pará, Amazonas, Amapá, Roraima e todos da Região Nordeste; Início das notificações: 7 de janeiro de 2019 Início dos bloqueios dos aparelhos: 24 de março de 2019. Meu celular está irregular? Segundo a Anatel, para saber se um celular é certificado pela agência basta procurar por um selo da Anatel, presente no carregador e no verso da bateria. É também recomendado verificar o IMEI para saber o status do celular. Isso pode ser feito em verificando o número que aparece na caixa e o que consta no adesivo do próprio aparelho. Depois, comparar se os dois são iguais a um outro, que aparece ao discar: *#06# O que é IMEI Arte/G1 A recomendação para evitar problemas assim é comprar celulares em locais certificados, com emissão de nota fiscal. O bloqueio não muda a situação de quem possui aparelhos regulares, sem impedimento por furto ou roubo, ou certificados por órgãos internacionais aceitos pela Anatel, a exemplo de quem comprou um celular fora do país.



Roubo e pedido de doações foram anunciados nas redes sociais e mobilizaram moradores de Irati. Cmei de Irati que arrecadava latinhas foi roubado e conseguiu dar a volta por cima Após o roubo de latinhas de um centro municipal de educação infantil (CMEI), moradores de Irati, na região central do Paraná, deram um exemplo de solidariedade. Alunos, professores e funcionários estavam juntando latas de alumínio que seriam vendidas à reciclagem. Com o dinheiro, comprariam o lanche dos alunos para uma viagem a Curitiba, onde visitariam o zoológico e o Jardim Botânico. “O primeiro momento foi de desespero e choro. As professoras pensaram ‘Meu Deus, e agora? O que vamos fazer? Não vai ter lanche para as crianças’. Avisamos na rádio e nas redes sociais sobre o roubo e pedindo doações”, comentou a diretora Avani Zanlorenzi. O anúncio do roubo mobilizou a comunidade. “Começaram a surgir latinhas, latinhas, latinhas. A gente arrecadou o dobro do que tinha e um pouco mais”, contou. Um grupo de pais se reuniu para fazer os lanches na madrugada do dia do passeio programado. E, mesmo depois da viagem, mais latinhas foram doadas. “Deu para pagar o lanche, o almoço e para investir em mais projetos aqui na escola”, comemorou a diretora. Veja mais notícias da região no G1 Campos Gerais e Sul.
Depois de roubo de latinhas que seriam vendidas para pagar passeio de alunos, comunidade dá exemplo de solidariedade
Roubo e pedido de doações foram anunciados nas redes sociais e mobilizaram moradores de Irati. Cmei de Irati que arrecadava latinhas foi roubado e conseguiu dar a volta por cima Após o roubo de latinhas de um centro municipal de educação infantil (CMEI), moradores de Irati, na região central do Paraná, deram um exemplo de solidariedade. Alunos, professores e funcionários estavam juntando latas de alumínio que seriam vendidas à reciclagem. Com o dinheiro, comprariam o lanche dos alunos para uma viagem a Curitiba, onde visitariam o zoológico e o Jardim Botânico. “O primeiro momento foi de desespero e choro. As professoras pensaram ‘Meu Deus, e agora? O que vamos fazer? Não vai ter lanche para as crianças’. Avisamos na rádio e nas redes sociais sobre o roubo e pedindo doações”, comentou a diretora Avani Zanlorenzi. O anúncio do roubo mobilizou a comunidade. “Começaram a surgir latinhas, latinhas, latinhas. A gente arrecadou o dobro do que tinha e um pouco mais”, contou. Um grupo de pais se reuniu para fazer os lanches na madrugada do dia do passeio programado. E, mesmo depois da viagem, mais latinhas foram doadas. “Deu para pagar o lanche, o almoço e para investir em mais projetos aqui na escola”, comemorou a diretora. Veja mais notícias da região no G1 Campos Gerais e Sul.




Segundo a PRF, houve uma batida lateral, por volta das 16h40 deste sábado (22). Acidente entre caminhonete e carro deixa um morto em Ibiporã, no norte do Paraná PRF/Divulgação O motorista de uma caminhonete morreu, na tarde deste sábado (22), em um acidente na BR-369, em Ibiporã, no norte do Paraná. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a caminhonete capotou depois de uma batida lateral com um carro. O acidente aconteceu por volta das 16h40, no km 141 da rodovia, ainda conforme a PRF. O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico-Legal (IML) de Londrina. Segundo a PRF, caminhonete capotou após batida lateral com outro carro, na BR-369, em Ibiporã PRF/Divulgação Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.
Motorista de caminhonete morre em acidente na BR-369, em Ibiporã

Segundo a PRF, houve uma batida lateral, por volta das 16h40 deste sábado (22). Acidente entre caminhonete e carro deixa um morto em Ibiporã, no norte do Paraná PRF/Divulgação O motorista de uma caminhonete morreu, na tarde deste sábado (22), em um acidente na BR-369, em Ibiporã, no norte do Paraná. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a caminhonete capotou depois de uma batida lateral com um carro. O acidente aconteceu por volta das 16h40, no km 141 da rodovia, ainda conforme a PRF. O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico-Legal (IML) de Londrina. Segundo a PRF, caminhonete capotou após batida lateral com outro carro, na BR-369, em Ibiporã PRF/Divulgação Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.




Assista aos vídeos do telejornal com as notícias de todas as regiões. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias de todas as regiões.
VÍDEOS: Boa Noite Paraná de sábado, 22 de setembro

Assista aos vídeos do telejornal com as notícias de todas as regiões. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias de todas as regiões.



Morador encontrou corpos na tarde deste sábado (22). Polícia Civil vai investigar o caso. Polícia suspeita de duplo homicídio na área rural de Perobal Dois homens foram encontrados mortos, na tarde deste sábado (22), em uma área rural de Perobal, no noroeste do Paraná. Segundo a Polícia Militar (PM), os corpos foram encontrados por um morador da região e tinham marcas de violência, como pauladas e facadas. As duas vítimas estavam sem documentos. Os corpos serão encaminhados para o Instituto Médico-Legal (IML) de Umuarama, também no noroeste, para apuração das causas das mortes. A Polícia Civil vai investigar o caso. Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.
Dois homens são encontrados mortos na zona rural de Perobal
Morador encontrou corpos na tarde deste sábado (22). Polícia Civil vai investigar o caso. Polícia suspeita de duplo homicídio na área rural de Perobal Dois homens foram encontrados mortos, na tarde deste sábado (22), em uma área rural de Perobal, no noroeste do Paraná. Segundo a Polícia Militar (PM), os corpos foram encontrados por um morador da região e tinham marcas de violência, como pauladas e facadas. As duas vítimas estavam sem documentos. Os corpos serão encaminhados para o Instituto Médico-Legal (IML) de Umuarama, também no noroeste, para apuração das causas das mortes. A Polícia Civil vai investigar o caso. Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.




Vítima, de 47 anos, sofreu contusão no tórax e escoriação no joelho direito após bater numa estrutura metálica durante a decolagem. Policial federal sofre acidente com parapente Um homem de 47 anos ficou ferido após um acidente com parapente, na tarde deste sábado (22), em Terra Rica, no noroeste do Paraná. Ele foi socorrido pelo helicóptero do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado para Maringá, na região norte. O acidente ocorreu em Três Morrinho, um local muito frequentado por quem pratica voos. Segundo o coordenador do Samu, ao decolar, o homem se desequilibrou e perdeu o controle, batendo em uma estrutura metálica. Por pouco ele não caiu em uma ribanceira. A vítima é policial federal e trabalha no Núcleo de Operações Marítimas de Maringá. O agente sofreu uma contusão no tórax e escoriação no joelho direito. Ele está internado na Santa Casa de Maringá, estável e consciente. Policial federal fica ferido após acidente com parapente em Terra Rica, no noroeste do Paraná Reprodução/RPC Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.
Homem fica ferido após acidente com parapente em Terra Rica, no noroeste do Paraná

Vítima, de 47 anos, sofreu contusão no tórax e escoriação no joelho direito após bater numa estrutura metálica durante a decolagem. Policial federal sofre acidente com parapente Um homem de 47 anos ficou ferido após um acidente com parapente, na tarde deste sábado (22), em Terra Rica, no noroeste do Paraná. Ele foi socorrido pelo helicóptero do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado para Maringá, na região norte. O acidente ocorreu em Três Morrinho, um local muito frequentado por quem pratica voos. Segundo o coordenador do Samu, ao decolar, o homem se desequilibrou e perdeu o controle, batendo em uma estrutura metálica. Por pouco ele não caiu em uma ribanceira. A vítima é policial federal e trabalha no Núcleo de Operações Marítimas de Maringá. O agente sofreu uma contusão no tórax e escoriação no joelho direito. Ele está internado na Santa Casa de Maringá, estável e consciente. Policial federal fica ferido após acidente com parapente em Terra Rica, no noroeste do Paraná Reprodução/RPC Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.




Eles foram para o hospital com ferimentos leves provocados por munição não letal; Central de Flagrantes tem capacidade para 15 presos, mas abriga 50. Presos tentam fugir da Central de Flagrantes em Curitiba Um agente carcerário e três presos foram feridos por fragmentos de munição não letal em uma tentativa de fuga na Central de Flagrantes, no bairro Portão, em Curitiba, por volta das 15h deste sábado (22). O disparo foi efetuado por um policial para conter a fuga de um detento, segundo a Polícia Civil. Todos ficaram feridos sem gravidade e levados ao hospital. O Bope foi acionado, e a situação foi controlada. De acordo com a assessoria da Polícia Civil, a capacidade da carceragem da Central de Flagrantes é para 15 presos, mas abriga atualmente 50 presos. O incidente aconteceu apenas três dias depois de a Central de Flagrantes, que funcionava no Centro de Curitiba, passar a operar no bairro Portão, em uma nova estrutura. Agente foi ferido durnte tentativa de fuga de um dos presos da Central de Flagrantes de Curitiba Arquivo pessoal Veja mais notícias do estado em G1 Paraná.
Agente carcerário e três presos ficam feridos em tentativa de fuga na Central de Flagrantes de Curitiba

Eles foram para o hospital com ferimentos leves provocados por munição não letal; Central de Flagrantes tem capacidade para 15 presos, mas abriga 50. Presos tentam fugir da Central de Flagrantes em Curitiba Um agente carcerário e três presos foram feridos por fragmentos de munição não letal em uma tentativa de fuga na Central de Flagrantes, no bairro Portão, em Curitiba, por volta das 15h deste sábado (22). O disparo foi efetuado por um policial para conter a fuga de um detento, segundo a Polícia Civil. Todos ficaram feridos sem gravidade e levados ao hospital. O Bope foi acionado, e a situação foi controlada. De acordo com a assessoria da Polícia Civil, a capacidade da carceragem da Central de Flagrantes é para 15 presos, mas abriga atualmente 50 presos. O incidente aconteceu apenas três dias depois de a Central de Flagrantes, que funcionava no Centro de Curitiba, passar a operar no bairro Portão, em uma nova estrutura. Agente foi ferido durnte tentativa de fuga de um dos presos da Central de Flagrantes de Curitiba Arquivo pessoal Veja mais notícias do estado em G1 Paraná.




Vítima tinha 72 anos; sobrinha-neta foi levada para hospital com ferimentos. O ex-marido da sobrinha é considerado suspeito do crime, segundo a polícia. Idosa de 72 anos foi morta em Guaratuba, no litoral do Paraná, na casa onde vivia Divulgação/ Polícia Militar Uma senhora de 72 anos foi encontrada morta na manhã deste sábado (22), na casa onde vivia, em Guaratuba, no litoral do Paraná. Segundo a Polícia Militar (PM), o corpo estava com sinais de violência. A suspeita da Polícia Civil, que investiga o crime, é a de que a idosa tenha sido morta pelo ex-marido da sobrinha. Conforme a polícia, ele é usuário de drogas e responde por agressão a ex-esposa. Até as 17h ninguém havia sido preso. Na casa também estava a filha da sobrinha da idosa morta. Ela tem 13 anos e foi levada para o hospital com ferimentos no rosto. A adolescente teve alta nesta tarde. De acordo com o Corpo de Bombeiros, a garota é especial e possui limitação de movimentos nas pernas e mãos. Veja mais notícias do estado em G1 Paraná.
Idosa é morta na casa onde vivia em Guaratuba, litoral do Paraná

Vítima tinha 72 anos; sobrinha-neta foi levada para hospital com ferimentos. O ex-marido da sobrinha é considerado suspeito do crime, segundo a polícia. Idosa de 72 anos foi morta em Guaratuba, no litoral do Paraná, na casa onde vivia Divulgação/ Polícia Militar Uma senhora de 72 anos foi encontrada morta na manhã deste sábado (22), na casa onde vivia, em Guaratuba, no litoral do Paraná. Segundo a Polícia Militar (PM), o corpo estava com sinais de violência. A suspeita da Polícia Civil, que investiga o crime, é a de que a idosa tenha sido morta pelo ex-marido da sobrinha. Conforme a polícia, ele é usuário de drogas e responde por agressão a ex-esposa. Até as 17h ninguém havia sido preso. Na casa também estava a filha da sobrinha da idosa morta. Ela tem 13 anos e foi levada para o hospital com ferimentos no rosto. A adolescente teve alta nesta tarde. De acordo com o Corpo de Bombeiros, a garota é especial e possui limitação de movimentos nas pernas e mãos. Veja mais notícias do estado em G1 Paraná.




Assad Ahmad Barakat foi preso pela divisão antiterrorismo da PF em Foz do Iguaçu na sexta-feira (21); Justiça paraguaia havia expedido mandado de prisão preventiva por falsidade ideológica. Em 2002, Assad Barakat foi preso em Foz do Iguaçu após autorização do STF e no ano seguinte expulso para o Paraguai ABC Color/Reprodução O libanês Assad Ahmad Barakat, apontado pelos Estados Unidos como financiador do Hezbollah, pediu refúgio no Brasil antes de ser preso. No requerimento feito à Polícia Federal em São Paulo ele alega suposta perseguição política pelas autoridades paraguaias. A afirmação é da Procuradoria-Geral da República no pedido de prisão preventiva para extradição do estrangeiro ao Supremo Tribunal Federal (STF) feito pela Justiça paraguaia por falsidade ideológica. Barakat foi preso na sexta-feira (21) pela divisão antiterrorismo da Polícia Federal em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná. De acordo com um primo de Barakat, ele foi preso na delegacia da Polícia Federal, quando providenciava alguns documentos. Hassan Ali Hashi negou que o primo esteja envolvido em qualquer irregularidade. Na decisão, do dia 12 de setembro, a procuradora Raquel Dodge destaca que não há nenhum impeditivo para a prisão de Barakat no Brasil. Dodge observa ainda que a extradição não poderá ser autorizada antes de analisado o pedido de refúgio pelo Comitê Nacional para os Refugiados (Conare), do Ministério das Relações Exteriores. A PRG concluiu ainda que Assad Barakat pediu refúgio ao governo brasileiro depois de saber da decretação de prisão pela justiça do Paraguai, no dia 31 de agosto. Declaração Falsa Assad Barakat é acusado de apresentar declaração de nacionalidade incorreta e de não informar a perda de nacionalidade paraguaia para a renovação do passaporte, o que no país vizinho configura crime de “produção mediata de documentos públicos com conteúdo falso”. Ele já havia pedido refúgio no Brasil em 2003, um ano após ter sido preso e extraditado para o Paraguai por envolvimento em delitos relacionados à apologia ao crime, evasão de divisas e falsificação de marcas de produtos. Em função da prisão e condenação, em 2007 ele perdeu a nacionalidade paraguaia obtida em 1989. O libanês também é investigado nos Estados Unidos e na Argentina. A família de Barakat não informou se ele já tem advogado constituído. Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.
Libanês apontado como financiador do Hezbollah pediu refúgio no Brasil antes de ser preso, diz PGR

Assad Ahmad Barakat foi preso pela divisão antiterrorismo da PF em Foz do Iguaçu na sexta-feira (21); Justiça paraguaia havia expedido mandado de prisão preventiva por falsidade ideológica. Em 2002, Assad Barakat foi preso em Foz do Iguaçu após autorização do STF e no ano seguinte expulso para o Paraguai ABC Color/Reprodução O libanês Assad Ahmad Barakat, apontado pelos Estados Unidos como financiador do Hezbollah, pediu refúgio no Brasil antes de ser preso. No requerimento feito à Polícia Federal em São Paulo ele alega suposta perseguição política pelas autoridades paraguaias. A afirmação é da Procuradoria-Geral da República no pedido de prisão preventiva para extradição do estrangeiro ao Supremo Tribunal Federal (STF) feito pela Justiça paraguaia por falsidade ideológica. Barakat foi preso na sexta-feira (21) pela divisão antiterrorismo da Polícia Federal em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná. De acordo com um primo de Barakat, ele foi preso na delegacia da Polícia Federal, quando providenciava alguns documentos. Hassan Ali Hashi negou que o primo esteja envolvido em qualquer irregularidade. Na decisão, do dia 12 de setembro, a procuradora Raquel Dodge destaca que não há nenhum impeditivo para a prisão de Barakat no Brasil. Dodge observa ainda que a extradição não poderá ser autorizada antes de analisado o pedido de refúgio pelo Comitê Nacional para os Refugiados (Conare), do Ministério das Relações Exteriores. A PRG concluiu ainda que Assad Barakat pediu refúgio ao governo brasileiro depois de saber da decretação de prisão pela justiça do Paraguai, no dia 31 de agosto. Declaração Falsa Assad Barakat é acusado de apresentar declaração de nacionalidade incorreta e de não informar a perda de nacionalidade paraguaia para a renovação do passaporte, o que no país vizinho configura crime de “produção mediata de documentos públicos com conteúdo falso”. Ele já havia pedido refúgio no Brasil em 2003, um ano após ter sido preso e extraditado para o Paraguai por envolvimento em delitos relacionados à apologia ao crime, evasão de divisas e falsificação de marcas de produtos. Em função da prisão e condenação, em 2007 ele perdeu a nacionalidade paraguaia obtida em 1989. O libanês também é investigado nos Estados Unidos e na Argentina. A família de Barakat não informou se ele já tem advogado constituído. Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.



O G1 lista os principais destaques dos telejornais da RPC deste sábado (22). Saiba os endereços, telefones e os sites das reportagens exibidas. G1 Campos Gerais e Sul Boa Noite Paraná - Ponta Grossa >>> Os candidatos que tiveram a inscrição confirmada para o concurso público da Prefeitura de Ponta Grossa já podem imprimir o "Cartão de Informação do Candidato", disponível na área do candidato no site da organizadora do concurso. O cartão vai ter horário e local de realização da prova objetiva, que foi marcada para 23 de setembro. G1 Norte e Noroeste Boa Noite Paraná - Londrina >>> Estão abertas até 9 de outubro as inscrições para o concurso público da Polícia Civil com 100 vagas para escrivão. O salário é de R$ 5.752,41. Os interessados devem acessar o site da Coordenadoria de Processos Seletivos (Cops) da Universidade Estadual de Londrina (UEL), responsável pela realização do concurso. A taxa é de R$ 120. Clique aqui para saber mais sobre o concurso. Veja mais notícias no G1 Paraná.
RPC: veja as informações adicionais das reportagens do dia 22/09/2018
O G1 lista os principais destaques dos telejornais da RPC deste sábado (22). Saiba os endereços, telefones e os sites das reportagens exibidas. G1 Campos Gerais e Sul Boa Noite Paraná - Ponta Grossa >>> Os candidatos que tiveram a inscrição confirmada para o concurso público da Prefeitura de Ponta Grossa já podem imprimir o "Cartão de Informação do Candidato", disponível na área do candidato no site da organizadora do concurso. O cartão vai ter horário e local de realização da prova objetiva, que foi marcada para 23 de setembro. G1 Norte e Noroeste Boa Noite Paraná - Londrina >>> Estão abertas até 9 de outubro as inscrições para o concurso público da Polícia Civil com 100 vagas para escrivão. O salário é de R$ 5.752,41. Os interessados devem acessar o site da Coordenadoria de Processos Seletivos (Cops) da Universidade Estadual de Londrina (UEL), responsável pela realização do concurso. A taxa é de R$ 120. Clique aqui para saber mais sobre o concurso. Veja mais notícias no G1 Paraná.




Homem foi detido na noite de sexta-feira (21), em Cambé, por não pagar pensão alimentícia, segundo a polícia. Agentes da delegacia cuidaram do animal e entraram em contato com familiares do preso. Cão espera no pátio da delegacia pelo dono que está preso Uma cadela ficou esperando por quase 20 horas, no pátio da Delegacia de Cambé, no norte do Paraná, pelo dono preso na noite de sexta-feira (21). O homem, de 56 anos, foi detido por volta das 21h, porque tinha um mandado de prisão em aberto por não pagar pensão alimentícia expedido pela Justiça de São Paulo, de acordo com o delegado Roberto Fernandes de Lima. “Quando ele foi trazido para a delegacia, veio junto uma cadelinha dele que o acompanhou e se recusou a ir embora”, afirmou Lima. A cachorra, que se chama Peppa e tem cerca de 6 anos, seguiu o camburão que levou o homem da casa onde ele mora até a delegacia. Peppa ficou do lado de fora, e os agentes deram comida e água para a cadela, enquanto tentavam contato com familiares do preso. Cachorra espera no pátio da Delegacia de Cambé, no norte do Paraná, por dono preso na noite de sexta-feira (21) Gustavo Parra/RPC Por volta das 16h deste sábado (22), a irmã do preso, Tereza Graça, foi até a delegacia e levou Peppa para casa. Ela contou que o irmão tem outros dois cachorros e que vai cuidar dos bichos enquanto ele estiver preso. “Ela [Peppa] tem amor nele, né? Ela não desgruda dele, onde ele vai, ela vai. Eu acho que ela está aqui protegendo ele”, declarou a irmã. Em nove anos na Polícia Civil do Paraná o delegado afirmou que nunca tinha visto uma situação parecida. “O cão é muito fiel ao seu dono", disse. Fernandes informou que o homem só deve ser solto depois que pagar os débitos da pensão alimentícia. Cãozinho receberam água e comida dos agentes da Delegacia de Cambé, enquanto esperava por dono preso na noite de sexta-feira (21) Portal Cambé Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.
Cadela espera em pátio de delegacia por dono preso, no interior do Paraná

Homem foi detido na noite de sexta-feira (21), em Cambé, por não pagar pensão alimentícia, segundo a polícia. Agentes da delegacia cuidaram do animal e entraram em contato com familiares do preso. Cão espera no pátio da delegacia pelo dono que está preso Uma cadela ficou esperando por quase 20 horas, no pátio da Delegacia de Cambé, no norte do Paraná, pelo dono preso na noite de sexta-feira (21). O homem, de 56 anos, foi detido por volta das 21h, porque tinha um mandado de prisão em aberto por não pagar pensão alimentícia expedido pela Justiça de São Paulo, de acordo com o delegado Roberto Fernandes de Lima. “Quando ele foi trazido para a delegacia, veio junto uma cadelinha dele que o acompanhou e se recusou a ir embora”, afirmou Lima. A cachorra, que se chama Peppa e tem cerca de 6 anos, seguiu o camburão que levou o homem da casa onde ele mora até a delegacia. Peppa ficou do lado de fora, e os agentes deram comida e água para a cadela, enquanto tentavam contato com familiares do preso. Cachorra espera no pátio da Delegacia de Cambé, no norte do Paraná, por dono preso na noite de sexta-feira (21) Gustavo Parra/RPC Por volta das 16h deste sábado (22), a irmã do preso, Tereza Graça, foi até a delegacia e levou Peppa para casa. Ela contou que o irmão tem outros dois cachorros e que vai cuidar dos bichos enquanto ele estiver preso. “Ela [Peppa] tem amor nele, né? Ela não desgruda dele, onde ele vai, ela vai. Eu acho que ela está aqui protegendo ele”, declarou a irmã. Em nove anos na Polícia Civil do Paraná o delegado afirmou que nunca tinha visto uma situação parecida. “O cão é muito fiel ao seu dono", disse. Fernandes informou que o homem só deve ser solto depois que pagar os débitos da pensão alimentícia. Cãozinho receberam água e comida dos agentes da Delegacia de Cambé, enquanto esperava por dono preso na noite de sexta-feira (21) Portal Cambé Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.




No Paraná, regiões mais atingidas são o oeste, sudoeste e noroeste; campanha alerta sobre riscos e orienta como evitar danos. Em Francisco Beltrão, ventos fortes destruíram casas e barracões na área rural da cidade Prefeitura de Francisco Beltrão/ Divulgação A primavera, que começa oficialmente às 22h53 deste sábado (22), é a estação do ano com a maior incidência de tempestades severas. Confira a previsão do tempo para a sua cidade O fenômeno é resultado do choque de massas de ar frio ainda presentes sobre o hemisfério sul com as massas de ar quente, que passam a ser mais frequentes nesta época do ano. Estes encontros muitas vezes resultam em tornados, vendavais e chuvas de granizo, entre outros, que causam grandes destruições. No Paraná, estudos indicam que são mais comuns no oeste, sudoeste e noroeste do estado pela proximidade com a Planície do Chaco, um dos fatores responsáveis pelo aquecimento do ar na região. Prevenção e cuidados Uma campanha lançada em Marechal Cândido Rondon, no oeste, orienta sobre como agir antes e durante as tempestades. Cartazes e cartilhas serão distribuídos a escolas, associações e igrejas. A iniciativa da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, prefeitura e da Universidade Estadual do Paraná (Unioeste) surgiu da falta de informação percebida em novembro de 2015, quando a cidade foi parcialmente destruída por uma “família de tornados”. Segundo a professora de geografia, Karin Hornes, medidas simples podem evitar muitos danos e preservar vidas em situações de catástrofes. “Ainda há muita desinformação sobre estes fenômenos e como agir. Mas, o primeiro passo é reconhecer que o Paraná é sim uma região de grande incidência, por exemplo, de tornados. Não é coisa só dos Estados Unidos”, aponta a especialista. A pesquisadora destaca também a importância de se criar políticas públicas que auxiliem na prevenção de danos, como a exigência de que casas novas sejam construídas com pelo menos um cômodo com cobertura de laje. Locais com telhados amplos, como ginásios, postos de combustíveis e barracões são abrigos frágeis Divulgação/Prefeitura de Marechal Cândido Rondon Saiba como agir em caso de tempestades Antes: elabore um plano de comunicação com a família informe-se pelo rádio, tv e internet sobre a previsão do tempo fique atento a alterações nas condições climáticas verifique quais locais de casa ou do trabalho são mais reforçados, como ambientes cobertos por laje ao sinal de tempestade, desligue aparelhos eletrônicos e o gás tenha sempre à mão lanterna, rádio, pilhas e telefone celular com boa carga de bateria permaneça em local seguro, longe de janelas e portas evite abrigar-se em ginásios, postos de combustíveis e locais com telhados amplos se estiver na rua, procure abrigo no prédio mais próximo, de preferência nos pisos inferiores e próximo a escadas nunca se abrigue embaixo de árvores ou postes Durante: não toque em fios elétricos economize água, baterias e gás não trafegue por áreas atingidas se estiver em campo aberto, procure valetas e depressões e deite-se encolhido, protegendo a cabeça caso o veículo em que esteja seja atingido por destroços, pare e cubra a cabeça com os braços em caso de se ferir ou estar com pessoas feridas, ligue para o Corpo de Bombeiros no número 193 siga as orientações da Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros Tornados De acordo com Karin, pelo grau de destruição, o fenômeno mais preocupante é o tornado - uma espécie de coluna de vento que gira em alta velocidade e que toca o chão. O potencial de destruição dos tornados é dividido em seis níveis, classificados conforme a velocidade das rajadas de vento, que podem chegar a 400 km/h. O último tornado no estado foi registrado em Toledo, no oeste, no dia 6 de janeiro. Ele foi classificado por especialistas do Simepar como de categoria F1, o mais fraco, com ventos de até 100 km/h. O fenômeno foi registrado por moradores. Assista ao vídeo. Vento forte atinge área rural de Toledo Um levantamento feito pelo Grupo de Estudos de Desastres Naturais e Socioambientais (Gedens), da Unioeste, confirmou a ocorrência de 13 tornados no estado entre 2009 e 2015. Veja onde os tornados foram registrados Ampére - 14/10/2009 Cascavel - 4/10/2009 Londrina - 27/11/2009 Rolândia - 26/09/2010 Perobal/Umuarama - 18/12/2010 Guarapuava - 03/01/2011 Guarapuava - 31/10/2012 Chopinzinho - 21/10/2013 Pérola - 20/01/2015 Francisco Beltrão - 13/07/2015 Mariópolis - 13/07/2015 Cafelândia/Nova Aurora - 09/10/2015 Marechal Cândido Rondon/Quatro Pontes - 19/11/2015 Infográfico explica diferença entre o tornado e um ciclone G1 Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.
Primavera é a estação com maior incidência de tempestades; saiba como agir

No Paraná, regiões mais atingidas são o oeste, sudoeste e noroeste; campanha alerta sobre riscos e orienta como evitar danos. Em Francisco Beltrão, ventos fortes destruíram casas e barracões na área rural da cidade Prefeitura de Francisco Beltrão/ Divulgação A primavera, que começa oficialmente às 22h53 deste sábado (22), é a estação do ano com a maior incidência de tempestades severas. Confira a previsão do tempo para a sua cidade O fenômeno é resultado do choque de massas de ar frio ainda presentes sobre o hemisfério sul com as massas de ar quente, que passam a ser mais frequentes nesta época do ano. Estes encontros muitas vezes resultam em tornados, vendavais e chuvas de granizo, entre outros, que causam grandes destruições. No Paraná, estudos indicam que são mais comuns no oeste, sudoeste e noroeste do estado pela proximidade com a Planície do Chaco, um dos fatores responsáveis pelo aquecimento do ar na região. Prevenção e cuidados Uma campanha lançada em Marechal Cândido Rondon, no oeste, orienta sobre como agir antes e durante as tempestades. Cartazes e cartilhas serão distribuídos a escolas, associações e igrejas. A iniciativa da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, prefeitura e da Universidade Estadual do Paraná (Unioeste) surgiu da falta de informação percebida em novembro de 2015, quando a cidade foi parcialmente destruída por uma “família de tornados”. Segundo a professora de geografia, Karin Hornes, medidas simples podem evitar muitos danos e preservar vidas em situações de catástrofes. “Ainda há muita desinformação sobre estes fenômenos e como agir. Mas, o primeiro passo é reconhecer que o Paraná é sim uma região de grande incidência, por exemplo, de tornados. Não é coisa só dos Estados Unidos”, aponta a especialista. A pesquisadora destaca também a importância de se criar políticas públicas que auxiliem na prevenção de danos, como a exigência de que casas novas sejam construídas com pelo menos um cômodo com cobertura de laje. Locais com telhados amplos, como ginásios, postos de combustíveis e barracões são abrigos frágeis Divulgação/Prefeitura de Marechal Cândido Rondon Saiba como agir em caso de tempestades Antes: elabore um plano de comunicação com a família informe-se pelo rádio, tv e internet sobre a previsão do tempo fique atento a alterações nas condições climáticas verifique quais locais de casa ou do trabalho são mais reforçados, como ambientes cobertos por laje ao sinal de tempestade, desligue aparelhos eletrônicos e o gás tenha sempre à mão lanterna, rádio, pilhas e telefone celular com boa carga de bateria permaneça em local seguro, longe de janelas e portas evite abrigar-se em ginásios, postos de combustíveis e locais com telhados amplos se estiver na rua, procure abrigo no prédio mais próximo, de preferência nos pisos inferiores e próximo a escadas nunca se abrigue embaixo de árvores ou postes Durante: não toque em fios elétricos economize água, baterias e gás não trafegue por áreas atingidas se estiver em campo aberto, procure valetas e depressões e deite-se encolhido, protegendo a cabeça caso o veículo em que esteja seja atingido por destroços, pare e cubra a cabeça com os braços em caso de se ferir ou estar com pessoas feridas, ligue para o Corpo de Bombeiros no número 193 siga as orientações da Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros Tornados De acordo com Karin, pelo grau de destruição, o fenômeno mais preocupante é o tornado - uma espécie de coluna de vento que gira em alta velocidade e que toca o chão. O potencial de destruição dos tornados é dividido em seis níveis, classificados conforme a velocidade das rajadas de vento, que podem chegar a 400 km/h. O último tornado no estado foi registrado em Toledo, no oeste, no dia 6 de janeiro. Ele foi classificado por especialistas do Simepar como de categoria F1, o mais fraco, com ventos de até 100 km/h. O fenômeno foi registrado por moradores. Assista ao vídeo. Vento forte atinge área rural de Toledo Um levantamento feito pelo Grupo de Estudos de Desastres Naturais e Socioambientais (Gedens), da Unioeste, confirmou a ocorrência de 13 tornados no estado entre 2009 e 2015. Veja onde os tornados foram registrados Ampére - 14/10/2009 Cascavel - 4/10/2009 Londrina - 27/11/2009 Rolândia - 26/09/2010 Perobal/Umuarama - 18/12/2010 Guarapuava - 03/01/2011 Guarapuava - 31/10/2012 Chopinzinho - 21/10/2013 Pérola - 20/01/2015 Francisco Beltrão - 13/07/2015 Mariópolis - 13/07/2015 Cafelândia/Nova Aurora - 09/10/2015 Marechal Cândido Rondon/Quatro Pontes - 19/11/2015 Infográfico explica diferença entre o tornado e um ciclone G1 Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.




Assista aos vídeos do telejornal com as notícias de todas as regiões. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias de todas as regiões.
VÍDEOS: Meio-Dia Paraná de sábado, 22 de setembro

Assista aos vídeos do telejornal com as notícias de todas as regiões. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias de todas as regiões.



Caso foi registrado em Cascavel, na sexta-feira (21); principais ferimentos foram na mão direita. Mulher tem 8 dedos amputados após explosão de rojão Uma mulher de 28 anos teve oito dedos amputados em um acidente com um rojão. O caso aconteceu em uma casa no Centro de Cascavel, no oeste do Paraná, na sexta-feira (21). Segundo o Corpo de Bombeiros, a mulher segurava o rojão nas mãos, quando ele explodiu. Ela foi socorrida e levada para o Hospital Universitário, onde passou por cirurgia ainda na sexta. De acordo com o hospital, os principais ferimentos foram na mão direita. Até o início da tarde deste sábado (22), a mulher continuava internada e o quadro de saúde era estável. Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.
Mulher tem oito dedos amputados em acidente com rojão
Caso foi registrado em Cascavel, na sexta-feira (21); principais ferimentos foram na mão direita. Mulher tem 8 dedos amputados após explosão de rojão Uma mulher de 28 anos teve oito dedos amputados em um acidente com um rojão. O caso aconteceu em uma casa no Centro de Cascavel, no oeste do Paraná, na sexta-feira (21). Segundo o Corpo de Bombeiros, a mulher segurava o rojão nas mãos, quando ele explodiu. Ela foi socorrida e levada para o Hospital Universitário, onde passou por cirurgia ainda na sexta. De acordo com o hospital, os principais ferimentos foram na mão direita. Até o início da tarde deste sábado (22), a mulher continuava internada e o quadro de saúde era estável. Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.




Acidente aconteceu na madrugada deste sábado (22), em Guarapuava; três passageiros ficaram feridos; condutor fugiu. Motorista perde controle, bate carro em prédio e foge do local do acidente O motorista de uma BMW perdeu o controle da direção e destruiu parte de um prédio de dois andares em Guarapuava, na região central do Paraná. O acidente aconteceu por volta das 4h30 deste sábado (22), no Bairro dos Estados. Segundo a Polícia Militar, o prédio estava desocupado. Com a batida, a fachada ficou totalmente destruída. Ainda de acordo com a PM, um homem e duas mulheres que estavam no carro ficaram feridos e foram levados para a UPA do Bairro Batel. Até o início da tarde, dois haviam recebido alta. Três pessoas que estavam no carro ficaram feridas; motorista fugiu Inez Catarina Mildemberger Eurich/Arquivo Pessoal Uma das passageiras precisou ser transferida para o Hospital São Vicente de Paulo e permanecia internada. Não há informações sobre o estado de saúde dela. Já o motorista fugiu e não foi encontrado. O carro foi apreendido. Com a batida, a fachada do prédio de dois andares ficou destruída; imóvel estava desocupado Inez Catarina Mildemberger Eurich/Arquivo Pessoal Veja mais notícias da região no G1 Campos Gerais e Sul.
Motorista de BMW perde controle de direção e destrói parede de prédio

Acidente aconteceu na madrugada deste sábado (22), em Guarapuava; três passageiros ficaram feridos; condutor fugiu. Motorista perde controle, bate carro em prédio e foge do local do acidente O motorista de uma BMW perdeu o controle da direção e destruiu parte de um prédio de dois andares em Guarapuava, na região central do Paraná. O acidente aconteceu por volta das 4h30 deste sábado (22), no Bairro dos Estados. Segundo a Polícia Militar, o prédio estava desocupado. Com a batida, a fachada ficou totalmente destruída. Ainda de acordo com a PM, um homem e duas mulheres que estavam no carro ficaram feridos e foram levados para a UPA do Bairro Batel. Até o início da tarde, dois haviam recebido alta. Três pessoas que estavam no carro ficaram feridas; motorista fugiu Inez Catarina Mildemberger Eurich/Arquivo Pessoal Uma das passageiras precisou ser transferida para o Hospital São Vicente de Paulo e permanecia internada. Não há informações sobre o estado de saúde dela. Já o motorista fugiu e não foi encontrado. O carro foi apreendido. Com a batida, a fachada do prédio de dois andares ficou destruída; imóvel estava desocupado Inez Catarina Mildemberger Eurich/Arquivo Pessoal Veja mais notícias da região no G1 Campos Gerais e Sul.




A Polícia Federal deflagrou neste sábado (22) operação em 5 estados com objetivo de desarticular uma organização criminosa especializada no contrabando de cigarro do Paraguai. Policiais são presos em operação para desarticular quadrilha de contrabando de cigarros Policias chegando no hotel em Maceió onde estavam os líderes do grupo criminoso PF / Divulgação Três líderes da organização criminosa presos neste sábado (22) durante operação da Polícia Federal (PF), estavam em um resort em Maceió (AL) com parentes e amigos para uma festa de casamento. O outro líder da organização foi preso em uma casa no município de Eldorado, sul de Mato Grosso do Sul. Até o fim da manhã deste sábado, tinham sido cumpridos 29 mandados de prisão e apreendidos armas, munições, celulares e dinheiro. Em uma das casas dos envolvidos foi encontrado R$ 250 mil em espécie. Dinheiro e objetos apreendidos durante operação da PF PF / Divulgação A operação A Polícia Federal (PF) deflagrou neste sábado (22) operação com objetivo de desarticular uma organização criminosa especializada no contrabando de cigarro do Paraguai. Batizada de Nepsis, a ação ocorre simultaneamente em cinco estados: Mato Grosso do Sul, São Paulo, Paraná, Rio de Janeiro e Alagoas. Mais de 280 policiais federais participam da operação para o cumprimento de 43 mandados de prisão, 12 suspensões de exercício de atividade policial e 43 mandados de busca e apreensão. Entre os presos, estão os “gerentes” da organização criminosa e também policiais de Mato Grosso do Sul. De acordo com a PF, a organização formou um consórcio de grandes contrabandistas. Estima-se que em 2017, os envolvidos tenham sido responsáveis pelo contrabando de pelo menos 1.200 carretas carregadas com cigarros para as regiões sudeste, centro-oeste e nordeste, totalizando mais de R$ 1,5 bilhão. Armamento e celulares apreendidos durante a operação da PF PF / Divulgação
Líderes da organização criminosa presos durante operação da PF estavam em resort para festa de casamento

A Polícia Federal deflagrou neste sábado (22) operação em 5 estados com objetivo de desarticular uma organização criminosa especializada no contrabando de cigarro do Paraguai. Policiais são presos em operação para desarticular quadrilha de contrabando de cigarros Policias chegando no hotel em Maceió onde estavam os líderes do grupo criminoso PF / Divulgação Três líderes da organização criminosa presos neste sábado (22) durante operação da Polícia Federal (PF), estavam em um resort em Maceió (AL) com parentes e amigos para uma festa de casamento. O outro líder da organização foi preso em uma casa no município de Eldorado, sul de Mato Grosso do Sul. Até o fim da manhã deste sábado, tinham sido cumpridos 29 mandados de prisão e apreendidos armas, munições, celulares e dinheiro. Em uma das casas dos envolvidos foi encontrado R$ 250 mil em espécie. Dinheiro e objetos apreendidos durante operação da PF PF / Divulgação A operação A Polícia Federal (PF) deflagrou neste sábado (22) operação com objetivo de desarticular uma organização criminosa especializada no contrabando de cigarro do Paraguai. Batizada de Nepsis, a ação ocorre simultaneamente em cinco estados: Mato Grosso do Sul, São Paulo, Paraná, Rio de Janeiro e Alagoas. Mais de 280 policiais federais participam da operação para o cumprimento de 43 mandados de prisão, 12 suspensões de exercício de atividade policial e 43 mandados de busca e apreensão. Entre os presos, estão os “gerentes” da organização criminosa e também policiais de Mato Grosso do Sul. De acordo com a PF, a organização formou um consórcio de grandes contrabandistas. Estima-se que em 2017, os envolvidos tenham sido responsáveis pelo contrabando de pelo menos 1.200 carretas carregadas com cigarros para as regiões sudeste, centro-oeste e nordeste, totalizando mais de R$ 1,5 bilhão. Armamento e celulares apreendidos durante a operação da PF PF / Divulgação




Seis pessoas estavam no carro de luxo, que bateu contra um semáforo. Situação aconteceu na madrugada deste sábado (22). Motorista de Camaro é preso por embriaguez depois de fugir da polícia, em Cascavel O motorista de um Camaro foi preso em Cascavel, no oeste do Paraná, na madrugada deste sábado (22) depois de fugir por vários quilômetros da polícia. Seis pessoas estavam no veículo, e o condutor estava bêbado, segundo a polícia. O carro de luxo se envolveu em um acidente após a perseguição policial. De acordo com a PM, o automóvel passou em alta velocidade por uma avenida da cidade. Camaro bateu contra semáforo, em Cascavel Fernando Lopes/RPC Os policiais foram atrás, pediram para que o condutor parasse, mas ele fugiu. Ao todo, foram 15 minutos de perseguição. Cinco veículos da PM foram acionados para tentar parar o motorista, que acabou batendo contra um semáforo na esquina da Rua São Paulo com a Castro Alves, no Centro. Frente destruída A frente do Camaro, que tem placas de Imbituva, na região central do Paraná, ficou destruída. Mesmo depois da batida, conforme a PM, os ocupantes tentaram fugir a pé. Um conseguiu escapar. Os outros cinco foram detidos e encaminhados para a delegacia. O motorista, de 35 anos, foi preso em flagrante por embriaguez ao volante. Pelo teste do bafômetro, ele ingeriu uma quantidade de álcool que já caracteriza crime de trânsito. Ele foi liberado no começo da tarde depois de pagar fiança de R$ 3 mil. Segundo a polícia, o condutor ainda terá que pagar R$ 8 mil em multas pelas infrações que cometeu durante a fuga. Os passageiros detidos prestaram depoimento e foram liberados. Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.
Motorista de Camaro é preso por embriaguez ao volante depois de fugir da polícia, em Cascavel

Seis pessoas estavam no carro de luxo, que bateu contra um semáforo. Situação aconteceu na madrugada deste sábado (22). Motorista de Camaro é preso por embriaguez depois de fugir da polícia, em Cascavel O motorista de um Camaro foi preso em Cascavel, no oeste do Paraná, na madrugada deste sábado (22) depois de fugir por vários quilômetros da polícia. Seis pessoas estavam no veículo, e o condutor estava bêbado, segundo a polícia. O carro de luxo se envolveu em um acidente após a perseguição policial. De acordo com a PM, o automóvel passou em alta velocidade por uma avenida da cidade. Camaro bateu contra semáforo, em Cascavel Fernando Lopes/RPC Os policiais foram atrás, pediram para que o condutor parasse, mas ele fugiu. Ao todo, foram 15 minutos de perseguição. Cinco veículos da PM foram acionados para tentar parar o motorista, que acabou batendo contra um semáforo na esquina da Rua São Paulo com a Castro Alves, no Centro. Frente destruída A frente do Camaro, que tem placas de Imbituva, na região central do Paraná, ficou destruída. Mesmo depois da batida, conforme a PM, os ocupantes tentaram fugir a pé. Um conseguiu escapar. Os outros cinco foram detidos e encaminhados para a delegacia. O motorista, de 35 anos, foi preso em flagrante por embriaguez ao volante. Pelo teste do bafômetro, ele ingeriu uma quantidade de álcool que já caracteriza crime de trânsito. Ele foi liberado no começo da tarde depois de pagar fiança de R$ 3 mil. Segundo a polícia, o condutor ainda terá que pagar R$ 8 mil em multas pelas infrações que cometeu durante a fuga. Os passageiros detidos prestaram depoimento e foram liberados. Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.




Motociclista de 41 anos morreu na noite de sexta-feira (21), após ser atingido por um carro. Motociclista morre em acidente na Avenida Tuiuti Um motociclista de 41 anos morreu na noite de sexta-feira (21), após ser atingido por um carro em Maringá, no norte do estado. Segundo a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob), foi a 35ª morte no trânsito da cidade no ano – mais da metade envolvendo motocicletas. De acordo com a Polícia Militar (PM), o homem cruzava a Avenida Tuiuti quando foi atingido por um carro, próximo à esquina com a Avenida Franklin Delano Roosevelt, no Parque Residencial Tuiuti. A vítima morreu no local. Motociclista morreu em acidente, em Maringá, na noite de sexta-feira (21) Jean Dias/Arquivo pessoal O carro foi abandonado cerca de um quilômetro distante do local da batida. Ainda de acordo da PM, um homem se apresentou dizendo ser o pai do motorista do carro, mas não soube informou onde estaria o filho. O automóvel foi levado pela PM para a Delegacia de Polícia Civil, onde será periciado. Número de acidentes Segundo dados da Semob, 18 óbitos no trânsito de Maringá neste ano são de condutores de moto – 51% do total. Oito mortes são de pedestres, seis são de ciclistas, duas de ocupantes de automóveis e uma vítima estava na garupa de uma motocicleta. Conforme a Semob, entre janeiro e setembro de 2017, Maringá teve 36 mortes em decorrência de acidentes de trânsito. O ano passado terminou com 44 óbitos no trânsito local – o maior número desde 2014, quando foram registradas 49 mortes. O maior número da série histórica, iniciada em 1997, é de 2004, quando foram registradas 85 mortes no trânsito maringaense. Já o ano com o menor número de óbitos foi 2016, com 38 vítimas. Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.
Trânsito de Maringá registra 35 mortes neste ano; mais da metade envolve motociclistas

Motociclista de 41 anos morreu na noite de sexta-feira (21), após ser atingido por um carro. Motociclista morre em acidente na Avenida Tuiuti Um motociclista de 41 anos morreu na noite de sexta-feira (21), após ser atingido por um carro em Maringá, no norte do estado. Segundo a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob), foi a 35ª morte no trânsito da cidade no ano – mais da metade envolvendo motocicletas. De acordo com a Polícia Militar (PM), o homem cruzava a Avenida Tuiuti quando foi atingido por um carro, próximo à esquina com a Avenida Franklin Delano Roosevelt, no Parque Residencial Tuiuti. A vítima morreu no local. Motociclista morreu em acidente, em Maringá, na noite de sexta-feira (21) Jean Dias/Arquivo pessoal O carro foi abandonado cerca de um quilômetro distante do local da batida. Ainda de acordo da PM, um homem se apresentou dizendo ser o pai do motorista do carro, mas não soube informou onde estaria o filho. O automóvel foi levado pela PM para a Delegacia de Polícia Civil, onde será periciado. Número de acidentes Segundo dados da Semob, 18 óbitos no trânsito de Maringá neste ano são de condutores de moto – 51% do total. Oito mortes são de pedestres, seis são de ciclistas, duas de ocupantes de automóveis e uma vítima estava na garupa de uma motocicleta. Conforme a Semob, entre janeiro e setembro de 2017, Maringá teve 36 mortes em decorrência de acidentes de trânsito. O ano passado terminou com 44 óbitos no trânsito local – o maior número desde 2014, quando foram registradas 49 mortes. O maior número da série histórica, iniciada em 1997, é de 2004, quando foram registradas 85 mortes no trânsito maringaense. Já o ano com o menor número de óbitos foi 2016, com 38 vítimas. Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.




Situação aconteceu na tarde de sexta-feira (21). Policiais chegaram aos suspeitos depois de denúncias. Um é morto e cinco são presos após confronto com a PM em Loanda Um suspeito foi morto, e cinco pessoas foram presas após um confronto com a Polícia Militar (PM) na tarde de sexta-feira (21) em Loanda, no noroeste do Paraná. A PM informou que recebeu denúncias de atividades suspeitas em uma casa abandonada no bairro Vila União. Ao chegar no local, os policias deram voz de abordagem a seis homens. Situação aconteceu, em Loanda, na sexta-feira (21) Polícia Militar/PM Segundo a PM, os suspeitos atiraram contra os policiais e fugiram. Na sequência, pularam o muro da residência a e se esconderam em um matagal na região. Pé de maconha foi apreendido pela PM Polícia Militar/Divulgação Os policiais conseguiram prender cinco homens que estavam desarmados. O último suspeito, que estava com um revólver, atirou novamente contra os policiais iniciando um confronto. O homem, de 20 anos, foi atingido pelos policiais e morreu no local, de acordo com a PM. Ainda conforme a polícia, nenhum policial se feriu no confronto. Objetos apreendidos Na casa, a polícia encontrou maconha, dinheiro, aparelhos eletrônicos, celulares e relógios. Os objetos foram apreendidos. Os presos foram levados para Delegacia de Polícia Civil. Objetos apreendidos em casa abandonada, em Loanda Polícia Militar/Divulgação Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.
Suspeito é morto, e cinco pessoas são presas após confronto com a PM, em Loanda

Situação aconteceu na tarde de sexta-feira (21). Policiais chegaram aos suspeitos depois de denúncias. Um é morto e cinco são presos após confronto com a PM em Loanda Um suspeito foi morto, e cinco pessoas foram presas após um confronto com a Polícia Militar (PM) na tarde de sexta-feira (21) em Loanda, no noroeste do Paraná. A PM informou que recebeu denúncias de atividades suspeitas em uma casa abandonada no bairro Vila União. Ao chegar no local, os policias deram voz de abordagem a seis homens. Situação aconteceu, em Loanda, na sexta-feira (21) Polícia Militar/PM Segundo a PM, os suspeitos atiraram contra os policiais e fugiram. Na sequência, pularam o muro da residência a e se esconderam em um matagal na região. Pé de maconha foi apreendido pela PM Polícia Militar/Divulgação Os policiais conseguiram prender cinco homens que estavam desarmados. O último suspeito, que estava com um revólver, atirou novamente contra os policiais iniciando um confronto. O homem, de 20 anos, foi atingido pelos policiais e morreu no local, de acordo com a PM. Ainda conforme a polícia, nenhum policial se feriu no confronto. Objetos apreendidos Na casa, a polícia encontrou maconha, dinheiro, aparelhos eletrônicos, celulares e relógios. Os objetos foram apreendidos. Os presos foram levados para Delegacia de Polícia Civil. Objetos apreendidos em casa abandonada, em Loanda Polícia Militar/Divulgação Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.




Situação aconteceu na madrugada deste sábado (22). Homem pagou fiança e foi solto horas depois. Carro bateu contra veículo da PM, em Marialva Tribuna Interativa. Um motorista de 26 anos foi preso em flagrante por embriaguez ao volante após bater o carro – na madrugada deste sábado (22) – contra um veículo da Polícia Militar (PM), em Marialva, no norte do Paraná, de acordo com a PM. O acidente aconteceu por volta da 1h na Avenida Padre Theo Hermann, no Conjunto Maria Zilda. Segundo a PM, os policiais tinham estacionado o automóvel, com as luzes giratórias acesas, para uma abordagem a suspeitos na avenida. Enquanto os policiais revistavam os suspeitos, que foram liberados na sequência, o carro foi atingido na traseira por outro veículo. Ninguém ficou ferido no acidente, mas, conforme a PM, o condutor do automóvel admitiu que havia bebido em uma festa. Teste do bafômetro Ele foi submetido ao teste do bafômetro, que apontou 0,89 miligrama de álcool por litro de ar expelido. Atualmente, não há tolerância para qualquer nível de concentração de álcool no corpo. Existe apenas uma margem de erro definida pelo Inmetro para os bafômetros, por isso a infração é confirmada se o resultado do teste for igual ou superior a 0,05 mg/L de ar expelido. O motorista recebeu voz de prisão e levado à Delegacia de Marialva, onde foi autuado em flagrante por embriaguez ao volante. Segundo a Polícia Civil, o motorista foi solto por volta das 8h, após pagar fiança de R$ 1,5 mil. Além da fiança, o condutor terá que pagar multa de R$ 2.934,70 e ficará com a habilitação suspensa por um ano. Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.
PM diz que motorista bêbado é preso após bater em carro da polícia, em Marialva

Situação aconteceu na madrugada deste sábado (22). Homem pagou fiança e foi solto horas depois. Carro bateu contra veículo da PM, em Marialva Tribuna Interativa. Um motorista de 26 anos foi preso em flagrante por embriaguez ao volante após bater o carro – na madrugada deste sábado (22) – contra um veículo da Polícia Militar (PM), em Marialva, no norte do Paraná, de acordo com a PM. O acidente aconteceu por volta da 1h na Avenida Padre Theo Hermann, no Conjunto Maria Zilda. Segundo a PM, os policiais tinham estacionado o automóvel, com as luzes giratórias acesas, para uma abordagem a suspeitos na avenida. Enquanto os policiais revistavam os suspeitos, que foram liberados na sequência, o carro foi atingido na traseira por outro veículo. Ninguém ficou ferido no acidente, mas, conforme a PM, o condutor do automóvel admitiu que havia bebido em uma festa. Teste do bafômetro Ele foi submetido ao teste do bafômetro, que apontou 0,89 miligrama de álcool por litro de ar expelido. Atualmente, não há tolerância para qualquer nível de concentração de álcool no corpo. Existe apenas uma margem de erro definida pelo Inmetro para os bafômetros, por isso a infração é confirmada se o resultado do teste for igual ou superior a 0,05 mg/L de ar expelido. O motorista recebeu voz de prisão e levado à Delegacia de Marialva, onde foi autuado em flagrante por embriaguez ao volante. Segundo a Polícia Civil, o motorista foi solto por volta das 8h, após pagar fiança de R$ 1,5 mil. Além da fiança, o condutor terá que pagar multa de R$ 2.934,70 e ficará com a habilitação suspensa por um ano. Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.




Entre os presos, estão integrantes da organização e policiais. 43 mandados de prisão e 43 de busca e apreensão estão sendo cumpridos. Dinheiro e objetos apreendidos em Presidente Epitácio-SP. PF / Divulgação A Polícia Federal (PF) deflagrou neste sábado (22) operação com objetivo de desarticular uma organização criminosa especializada no contrabando de cigarro do Paraguai. Batizada de Nepsis, a ação ocorre simultaneamente em cinco estados: Mato Grosso do Sul, São Paulo, Paraná, Rio de Janeiro e Alagoas. Mais de 280 policiais federais participam da operação para o cumprimento de 43 mandados de prisão, 12 suspensões de exercício de atividade policial e 43 mandados de busca e apreensão. Entre os presos, estão os “gerentes” da organização criminosa e também policiais de Mato Grosso do Sul. De acordo com a PF, a organização formou um consórcio de grandes contrabandistas, com a criação de uma sofisticada rede de escoamento de cigarros contrabandeados pela fronteira de Mato Grosso do Sul. A estrutura usava um sistema logístico com características empresariais, com a participação de pessoas exercendo funções de “gerentes”, batedores, olheiros e motoristas. Estima-se que em 2017, os envolvidos tenham sido responsáveis pelo contrabando de pelo menos 1.200 carretas carregadas com cigarros para as regiões sudeste, centro-oeste e nordeste, totalizando mais de R$ 1,5 bilhão. Nepsis Nepsis é um termo grego que significa vigilância e sobriedade. Agentes da Operação em Mato Grosso do Sul PF / Divulgação Veículo de luxo apreendido em Guaíra- PR. PF / Divulgação
PF deflagra operação em 5 estados contra organização criminosa especializada em contrabando de cigarro

Entre os presos, estão integrantes da organização e policiais. 43 mandados de prisão e 43 de busca e apreensão estão sendo cumpridos. Dinheiro e objetos apreendidos em Presidente Epitácio-SP. PF / Divulgação A Polícia Federal (PF) deflagrou neste sábado (22) operação com objetivo de desarticular uma organização criminosa especializada no contrabando de cigarro do Paraguai. Batizada de Nepsis, a ação ocorre simultaneamente em cinco estados: Mato Grosso do Sul, São Paulo, Paraná, Rio de Janeiro e Alagoas. Mais de 280 policiais federais participam da operação para o cumprimento de 43 mandados de prisão, 12 suspensões de exercício de atividade policial e 43 mandados de busca e apreensão. Entre os presos, estão os “gerentes” da organização criminosa e também policiais de Mato Grosso do Sul. De acordo com a PF, a organização formou um consórcio de grandes contrabandistas, com a criação de uma sofisticada rede de escoamento de cigarros contrabandeados pela fronteira de Mato Grosso do Sul. A estrutura usava um sistema logístico com características empresariais, com a participação de pessoas exercendo funções de “gerentes”, batedores, olheiros e motoristas. Estima-se que em 2017, os envolvidos tenham sido responsáveis pelo contrabando de pelo menos 1.200 carretas carregadas com cigarros para as regiões sudeste, centro-oeste e nordeste, totalizando mais de R$ 1,5 bilhão. Nepsis Nepsis é um termo grego que significa vigilância e sobriedade. Agentes da Operação em Mato Grosso do Sul PF / Divulgação Veículo de luxo apreendido em Guaíra- PR. PF / Divulgação




Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Paraná. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Paraná.
VÍDEOS: Bom Dia Paraná de sábado, 22 de setembro

Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Paraná. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Paraná.




Batida aconteceu na manhã deste sábado (22), por volta das 7h. Acidente deixa feridos na Linha Verde Duas pessoas ficaram feridas em um acidente com dois carros na Linha Verde, em Curitiba, na manhã deste sábado (22). O motorista de um dos veículos seguia pela Avenida das Torres e fez uma conversão para entrar na Linha Verde. Um automóvel, que trafegava na Linha Verde, acabou atingido a traseira do carro que fez a conversão. Carro se envolveu em acidente na Linha Verde na manhã deste sábado (22) Tarcísio Silveira/RPC Ao bater na traseira, o veículo acertou um poste e parou na canaleta. O motorista de 27 anos foi socorrido e levado ao hospital com ferimentos na cabeça. Não foi informado o estado de saúde dele. O passageiro do outro automóvel, um homen de 68 anos, também precisou de atendimento médico. Ele foi encaminhado ao hospital, com ferimentos leves. O trânsito não chegou a ser interrompido no local. O acidente aconteceu por volta das 7h. Acidente aconteceu na manhã deste sábado (22); duas pessoas ficaram feridas Tarcísio Silveira/RPC Veja mais notícias da região no G1 Paraná.
Duas pessoas ficam feridas em acidente na Linha Verde, em Curitiba

Batida aconteceu na manhã deste sábado (22), por volta das 7h. Acidente deixa feridos na Linha Verde Duas pessoas ficaram feridas em um acidente com dois carros na Linha Verde, em Curitiba, na manhã deste sábado (22). O motorista de um dos veículos seguia pela Avenida das Torres e fez uma conversão para entrar na Linha Verde. Um automóvel, que trafegava na Linha Verde, acabou atingido a traseira do carro que fez a conversão. Carro se envolveu em acidente na Linha Verde na manhã deste sábado (22) Tarcísio Silveira/RPC Ao bater na traseira, o veículo acertou um poste e parou na canaleta. O motorista de 27 anos foi socorrido e levado ao hospital com ferimentos na cabeça. Não foi informado o estado de saúde dele. O passageiro do outro automóvel, um homen de 68 anos, também precisou de atendimento médico. Ele foi encaminhado ao hospital, com ferimentos leves. O trânsito não chegou a ser interrompido no local. O acidente aconteceu por volta das 7h. Acidente aconteceu na manhã deste sábado (22); duas pessoas ficaram feridas Tarcísio Silveira/RPC Veja mais notícias da região no G1 Paraná.



Nova data foi definida na tarde desta sexta-feira (21), durante uma audiência de conciliação na 1ª Vara da Justiça Federal de Maringá. Cruzamentos da BR 376 em Sarandi devem ser fechados Os cruzamentos de duas ruas de Sarandi, no norte do Paraná, com a rodovia BR-376, deverão ser fechados até 30 de novembro. A nova data foi definida na tarde desta sexta-feira (21), durante uma audiência de conciliação na 1ª Vara da Justiça Federal de Maringá. O acordo envolve os cruzamentos da Rua Inglaterra e da Avenida Rio de Janeiro com a rodovia. Além do fechamento do acesso das duas vias à rodovia federal, também serão removidos os dois semáforos que controlam o trânsito nesses trechos. Participaram da reunião representantes da prefeitura de Sarandi, do Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Paraná (DER), do Ministério Público Federal e do governo estadual. Conforme o documento assinado pelas partes, a prefeitura aceitou o fechamento após a apresentação de estudos de técnicos do DER. "Eles nos apresentaram três opções para esses cruzamentos. Um deles seria a construção de trincheiras", disse Fábio Navarrete, procurador do município. "Nos falaram que uma solução deve ficar pronta em oito meses", afirmou. Por meio de nota, o DER informou que "os técnicos do órgão ainda estudam quais são as melhores alternativas para minimizar os possíveis impactos causados pela medida". O fechamento dos cruzamentos da rua e da avenida com a BR-376 foram pedidos pelo MP com base em estatísticas de acidentes apresentadas pela Polícia Rodoviária Federal. Em julho, o juiz da 1ª Vara Federal, José Jácomo Gimenez, concedeu liminar para o fechamento das vias. O prazo para o cumprimento da sentença se encerrava no dia 3 deste mês, mas foi suspenso em consequência da marcação da audiência realizada na sexrta-feira. O encontro foi solicitado por representantes da prefeitura, do DER e do governo estadual. Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.
Cruzamentos de Sarandi com a BR-376 deverão ser fechados até 30 de novembro
Nova data foi definida na tarde desta sexta-feira (21), durante uma audiência de conciliação na 1ª Vara da Justiça Federal de Maringá. Cruzamentos da BR 376 em Sarandi devem ser fechados Os cruzamentos de duas ruas de Sarandi, no norte do Paraná, com a rodovia BR-376, deverão ser fechados até 30 de novembro. A nova data foi definida na tarde desta sexta-feira (21), durante uma audiência de conciliação na 1ª Vara da Justiça Federal de Maringá. O acordo envolve os cruzamentos da Rua Inglaterra e da Avenida Rio de Janeiro com a rodovia. Além do fechamento do acesso das duas vias à rodovia federal, também serão removidos os dois semáforos que controlam o trânsito nesses trechos. Participaram da reunião representantes da prefeitura de Sarandi, do Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Paraná (DER), do Ministério Público Federal e do governo estadual. Conforme o documento assinado pelas partes, a prefeitura aceitou o fechamento após a apresentação de estudos de técnicos do DER. "Eles nos apresentaram três opções para esses cruzamentos. Um deles seria a construção de trincheiras", disse Fábio Navarrete, procurador do município. "Nos falaram que uma solução deve ficar pronta em oito meses", afirmou. Por meio de nota, o DER informou que "os técnicos do órgão ainda estudam quais são as melhores alternativas para minimizar os possíveis impactos causados pela medida". O fechamento dos cruzamentos da rua e da avenida com a BR-376 foram pedidos pelo MP com base em estatísticas de acidentes apresentadas pela Polícia Rodoviária Federal. Em julho, o juiz da 1ª Vara Federal, José Jácomo Gimenez, concedeu liminar para o fechamento das vias. O prazo para o cumprimento da sentença se encerrava no dia 3 deste mês, mas foi suspenso em consequência da marcação da audiência realizada na sexrta-feira. O encontro foi solicitado por representantes da prefeitura, do DER e do governo estadual. Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.




Acidente aconteceu na madrugada deste sábado (22). Motorista foi preso em flagrante e deve responder por homicídio culposo, qualificado por embriaguez, segundo a polícia. Jovem morre em acidente dentro do Parque Barigui Um jovem de 22 anos morreu em um acidente de carro na madrugada deste sábado (22) no Parque Bariqui, em Curitiba. A Guarda Municipal afirmou que Claudinei Faustino Junior não usava cinto de segurança. Segundo a Guarda Municipal, o motorista do carro, de 24 anos, perdeu controle da direção em uma rua que corta o parque e capotou. Ele foi encaminhado ao Hospital Evangélico com ferimentos leves e sinais de embriaguez, conforme a Delegacia de Delitos Trânsito (Dedetran). Durante a tarde deste sábado, após receber alta, o motorista foi autuado em flagrante elevado para a Dedetran. Não cabe fiança. Jovem morreu no acidente no Parque Barigui, em Curitiba Tony Mattoso/RPC O delegado Anderson Franco explicou que o jovem vai responder por homicídio culposo, qualificado por embriaguez. Caso ele seja condenado, está sujeito a pena pode variar de cinco a oito anos de prisão. Ainda segundo o delegado, o jovem confessou que bebeu por volta das 18h de sexta-feira (21), mas depois teria parado. No depoimento, conforme o delegado, ele disse que, por volta das 4h, foi dar uma volta no Parque Barigui, onde se acidentou. Ao todo, três pessoas estavam no veículo, de acordo com os bombeiros. A Guarda Municipal informou que o outro rapaz não precisou de atendimento médico. Os rapazes, ainda conforme a Guarda Municipal, apresentavam sinais de embriaguez. Contudo, o teste de bafômetro não foi realizado. Ao todo, três rapazes estavam no carro, de acordo com os bombeiros Tony Mattoso/RPC Veja mais notícias da região no G1 Paraná.
Jovem morre depois de carro capotar no Parque Barigui, em Curitiba

Acidente aconteceu na madrugada deste sábado (22). Motorista foi preso em flagrante e deve responder por homicídio culposo, qualificado por embriaguez, segundo a polícia. Jovem morre em acidente dentro do Parque Barigui Um jovem de 22 anos morreu em um acidente de carro na madrugada deste sábado (22) no Parque Bariqui, em Curitiba. A Guarda Municipal afirmou que Claudinei Faustino Junior não usava cinto de segurança. Segundo a Guarda Municipal, o motorista do carro, de 24 anos, perdeu controle da direção em uma rua que corta o parque e capotou. Ele foi encaminhado ao Hospital Evangélico com ferimentos leves e sinais de embriaguez, conforme a Delegacia de Delitos Trânsito (Dedetran). Durante a tarde deste sábado, após receber alta, o motorista foi autuado em flagrante elevado para a Dedetran. Não cabe fiança. Jovem morreu no acidente no Parque Barigui, em Curitiba Tony Mattoso/RPC O delegado Anderson Franco explicou que o jovem vai responder por homicídio culposo, qualificado por embriaguez. Caso ele seja condenado, está sujeito a pena pode variar de cinco a oito anos de prisão. Ainda segundo o delegado, o jovem confessou que bebeu por volta das 18h de sexta-feira (21), mas depois teria parado. No depoimento, conforme o delegado, ele disse que, por volta das 4h, foi dar uma volta no Parque Barigui, onde se acidentou. Ao todo, três pessoas estavam no veículo, de acordo com os bombeiros. A Guarda Municipal informou que o outro rapaz não precisou de atendimento médico. Os rapazes, ainda conforme a Guarda Municipal, apresentavam sinais de embriaguez. Contudo, o teste de bafômetro não foi realizado. Ao todo, três rapazes estavam no carro, de acordo com os bombeiros Tony Mattoso/RPC Veja mais notícias da região no G1 Paraná.




Série de entrevistas foi feita entre a segunda (17) e a sexta-feira (21), com os cinco candidatos melhores colocados na pesquisa Ibope divulgada em 4 de setembro. Plenário do Senado Federal, em Brasília Edilson Rodrigues/Agência Senado/Arquivo A RPC entrevistou, de segunda (17) a sexta-feira (21), os cinco candidatos ao Senado pelo Paraná melhores colocados na pesquisa Ibope divulgada em 4 de setembro. Foram entrevistados, em ordem definida por sorteio, Alex Canziani (PTB), Oriovisto Guimarães (Podemos), Roberto Requião (MDB), Beto Richa (PSDB) e Flávio Arns (Rede). Assista a seguir os vídeos: 17/9 - Alex Canziani (PTB) Veja a entrevista de Alex Canziani (PTB), candidato ao Senado Alex Canziani diz que compromisso no combate à corrupção é 'total' e fala na necessidade de reduzir a quantidade de partidos políticos 18/9 - Oriovisto Guimarães (Podemos) Veja a entrevista de Oriovisto Guimarães (PODE), candidato ao Senado Oriovisto diz que fundo partidário privilegia quem está há muito tempo na política e defende aposentadoria única 19/9 - Roberto Requião (MDB) Veja a entrevista de Roberto Requião (MDB), candidato ao Senado Requião afirma que reforma econômica é a 'mãe das reformas' e que todos os partidos entraram no 'jogo da corrupção' 20/9 - Beto Richa (PSDB) Veja a entrevista de Beto Richa (PSDB), candidato ao Senado Beto Richa diz que acusações feitas contra ele por delator da Operação Rádio Patrulha não têm credibilidade 21/9 - Flávio Arns (Rede) Veja a entrevista de Flávio Arns (REDE), candidato ao Senado Flavio Arns defende que não se tenha reeleição no Executivo e diz ser a favor da reforma previdenciária O que faz um senador? Funciona Assim: Eleições 2018 - O que faz o senador? Como são escolhidos os deputados e senadores? Funciona Assim: Eleições 2018 - Como são escolhidos os deputados e senadores? Veja mais notícias do estado no G1 Paraná.
Assista à íntegra das entrevistas ao Senado pelo Paraná

Série de entrevistas foi feita entre a segunda (17) e a sexta-feira (21), com os cinco candidatos melhores colocados na pesquisa Ibope divulgada em 4 de setembro. Plenário do Senado Federal, em Brasília Edilson Rodrigues/Agência Senado/Arquivo A RPC entrevistou, de segunda (17) a sexta-feira (21), os cinco candidatos ao Senado pelo Paraná melhores colocados na pesquisa Ibope divulgada em 4 de setembro. Foram entrevistados, em ordem definida por sorteio, Alex Canziani (PTB), Oriovisto Guimarães (Podemos), Roberto Requião (MDB), Beto Richa (PSDB) e Flávio Arns (Rede). Assista a seguir os vídeos: 17/9 - Alex Canziani (PTB) Veja a entrevista de Alex Canziani (PTB), candidato ao Senado Alex Canziani diz que compromisso no combate à corrupção é 'total' e fala na necessidade de reduzir a quantidade de partidos políticos 18/9 - Oriovisto Guimarães (Podemos) Veja a entrevista de Oriovisto Guimarães (PODE), candidato ao Senado Oriovisto diz que fundo partidário privilegia quem está há muito tempo na política e defende aposentadoria única 19/9 - Roberto Requião (MDB) Veja a entrevista de Roberto Requião (MDB), candidato ao Senado Requião afirma que reforma econômica é a 'mãe das reformas' e que todos os partidos entraram no 'jogo da corrupção' 20/9 - Beto Richa (PSDB) Veja a entrevista de Beto Richa (PSDB), candidato ao Senado Beto Richa diz que acusações feitas contra ele por delator da Operação Rádio Patrulha não têm credibilidade 21/9 - Flávio Arns (Rede) Veja a entrevista de Flávio Arns (REDE), candidato ao Senado Flavio Arns defende que não se tenha reeleição no Executivo e diz ser a favor da reforma previdenciária O que faz um senador? Funciona Assim: Eleições 2018 - O que faz o senador? Como são escolhidos os deputados e senadores? Funciona Assim: Eleições 2018 - Como são escolhidos os deputados e senadores? Veja mais notícias do estado no G1 Paraná.